placardpt
      Conheça a caminhada do Zamalek SC

      Jaime Pacheco na final da Champions: eis o contexto, que inclui Shikabala e um desafio ao favorito

      2020/11/05 10:25
      E5

      * Ricardo Gonçalves

      Conhecido por levar o Boavista à conquista do campeonato nacional, Jaime Pacheco é mais um português com sucesso internacional à espreita, uma vez que o seu Zamalek SC está qualificado para a final da Liga dos Campeões Africanos, depois de vencer o Raja Casablanca por 3x1 (4x1 em agregado) na passada quarta-feira.

      Vai ser uma final 100% egípcia no dia 27 de novembro, com o Zamalek a defrontar o Al-Ahly, clube para o qual já perdeu o campeonato por 18 pontos e quererá, certamente, vingança. Existe também outra camada de significado nesta final, uma vez que, caso vença, o Zamalek vai conquistar o seu sexto troféu da prova, superando os congoleses do TP Mazembe e tornando-se a segunda equipa mais vencedora na história da Liga dos Campeões. O emblema mais vitorioso é, ironicamente, o próprio Al-Ahly, que quererá aumentar os seus oito troféus.

      A chegada à final por parte da turma de Pacheco é um feito notável, mas para os adeptos o que é realmente importante é a vitória, depois de terem perdido em 2016 a final a duas mãos frente ao Mamelodi Sundowns, que se tornou a segunda equipa de África do Sul a vencer a prova. Durante a fase de grupos, Augusto Inácio ainda orientou a equipa, mas na final o treinador era Momen Soliman, que revelou inexperiência naqueles que foram os seus primeiros jogos como treinador principal, pelo que desta vez a massa adepta do Zamalek espera uma história diferente.

      Celebrações frente ao Raja Casablanca ©Zamalek SC

      O registo é positivo, com quatro vitórias em seis finais, mas o quinto e último troféu da Liga dos Campeões Africanos a chegar ao museu do emblema egípcio fê-lo em 2002. Os restantes em 1996, 1993, 1986 e 1984, de maneira que a história começa a tornar-se distante para um clube que ainda se considera um dos maiores do continente. Será este o retorno de um colosso?

      Um trilho conturbado até à final

      A verdade é que nem todo o crédito pode ser dado a Jaime Pacheco, pois o português não comandou a equipa durante toda a edição 2019/20 da Liga dos Campeões Africanos. Aliás, a única eliminatória em que o técnico comandou a equipa foi mesmo a meia-final, onde registou as duas vitórias sobre o Raja Casablanca.

      Jaime Pacheco
      Zamalek SC
      Total

      18 Jogos
      14 Vitórias
      3 Empates
      1 Derrotas

      31 Golos
      13 Golos sofridos

      ver mais »

      Muito antes da chegada de Jaime Pacheco, o treinador era Micho Sredojevic e por pouco o Zamalek nem sequer disputou a Liga dos Campeões. Com o sérvio no comando os egípcios saíram derrotados no Senegal (2x1) perante o Génération Foot e apenas chegaram à fase de grupos graças a uma vitória por 1x0 na segunda-mão, que ditou a passagem devido à regra dos golos fora.

      Já na fase de grupos, uma derrota pesada frente ao TP Mazembe (3x0) garantiu a saída de Sredojevic, que não orientou o Zamalek em mais nenhum jogo. Entrou, então, Patrice Carteron, treinador francês que guiou os egípcios até às meias-finais.

      Seguiram-se então uma vitória caseira e um empate em Angola contra o 1º de Agosto, uma história semelhante com o ZESCO United da Zâmbia e um nulo no segundo jogo frente ao TP Mazembe para o Zamalek garantir a passagem da fase de grupos em segundo lugar, com nove pontos para os 14 da equipa da República Democrática do Congo.

      Os quartos de final trouxeram um adversário complicado na forma do Espérance de Tunis, equipa tunisina que venceu as últimas duas edições da Liga dos Campeões Africanos. As dificuldades anteriores não se verificaram frente a um adversário de nível superior e o Zamalek venceu a primeira mão por 3x1, o que deu folga suficiente para perder a segunda mão-pela margem mínima e mesmo assim avançar para a fase seguinte, onde Jaime Pacheco assumiu o leme.

      As chances de Pacheco, frente ao arqui-rival

      Shikabala é, certamente, o nome mais conhecido em Portugal entre todo o plantel do Zamalek. É, também, um nome importante na equipa de Jaime Pacheco, mas aos 34 anos o ex-Sporting já não é tão influente como já foi antes, de maneira que o papel de suplente utilizado lhe tem servido. Para atacar um jogo tão importante, e logo frente ao maior rival, as armas do Zamalek são outras.

      Shikabala, capitão, a levantar a Supertaça Egípcia ©Getty / MAHMOUD KHALED

      O internacional tunisino Ferjani Sassi é a grande estrela desta equipa. Esteve no último Campeonato do Mundo, onde marcou à Inglaterrajogou na Europa ao serviço do Metz, mas foi no futebol africano que o médio centro sempre encontrou mais destaque.

      Tarek Hamed, médio defensivo, e Mahmoud Alaa, defesa central são dois internacionais egípcios e peças importantes para Pacheco, que conta com o marroquino Achraf Bencharki e o jovem avançado Mostafa Mohamed, que bisou na meia-final, para desequilibrar no ataque.

      Pacheco e o Zamalek vão jogar a final para ganhar, não há dúvida disso, mas isso não quer dizer que a vitória esteja garantida ou sequer perto disso. O Al-Ahly sai vitorioso em mais de metade dos confrontos entre as duas equipas, e o registo das últimas cinco temporadas coloca o Zamalek a vencer apenas quatro dos 18 encontros entre as duas equipas, ainda que esteja em vantagem quando os duelos são em campo neutro (uma vitória, um empate e zero derrotas).

      Manuel José ganhou quatro das oito que o Al-Ahly tem ©Getty / Junko Kimura
      O Al-Ahly é favorito, como qualquer adepto ou casa de apostas confirmará, pelo que, para chegar à vitória frente ao seu maior rival e campeão do Egipto em título, o técnico português vai ter de repetir um feito que o Zamalek não alcança desde... bem, na verdade o Zamalek venceu o Al-Ahly no último confronto entre as duas equipas, que remonta a agosto deste ano, ainda antes de Jaime Pacheco assumir o comando, pelo que pode existir alguma vantagem psicológica para o treinador português, ainda que seja o outro emblema de Cairo a contar com as armas mais fortes.

      É difícil não torcer pelo lado das trincheiras onde corre sangue luso mas, para já, é momento de celebrar a chegada à final e não de a antecipar. Seja como for, vai ser mesmo preciso esperar pelo 27 de novembro para descobrir o próximo campeão africano.

      Sondagem
      RESULTADO SONDAGEM
      ZAMALEK SC
      EMPATE
      AL-AHLY
      Comentários (5)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      . . .
      2020-11-27 19h09m por mikinhasrota
      Onde ver ?
      RA
      Isto vale alguma coisa?
      2020-11-26 15h50m por ra1620
      Tuga no seu pior. Nem treina no CP.
      TO
      santossantos
      2020-11-05 23h28m por tonefcp
      Diria mais:

      Se o Jaime Pacheco vencer Portugal vai ter treinadores campeões em título em:

      África.
      América do Sul.
      Brasil.
      Coreia do Sul.
      Ucrânia.
      Grécia.

      PORTUGAL

      Incrív el!
      SA
      Fascinante
      2020-11-05 15h38m por santossantos
      Se o Jaime Pacheco vencer Portugal vai ter treinadores campeões em título em:

      África.
      América do Sul.
      Brasil.
      Coreia do Sul.
      Ucrânia.
      Grécia.

      Incrível!
      Champions africana e a Lusotecnia
      2020-11-05 13h00m por bludouro
      Aqui temos uma final interessantíssima - um titulo continental em jogo envolvendo sem duvida o maior derbi do futebol africano - com a inovação de ser disputada num jogo único, em pleno Cairo - e apenas equiparável com as finais da "Champions" Real-Atlético (de 2014, em Lisboa, e 2016, em Milão) e mais recentemente, da Copa Libertadores, entre Boca Juniors e River Plate, em 2018 (duelo tão quente que, recordemos, a segunda mão da final fora transferida de Buenos Aires para Madrid). ler comentário completo »
      jogos históricos
      U Sexta, 27 Novembro 2020 - 19:00
      Cairo International Stadium
      Mustapha Ghorbal
      1-2
      Shikabala 31'
      Amr Al-Soleya 5'
      Afsha 86'
      OUTRAS NOTÍCIAS
      ESP 0-0 GER em direto!
      Começou a 2ª parte Acompanhe aqui o Espanha x Alemanha em direto e ao minuto, com todas as estat?ticas e as curiosidades mais interessantes.
      ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
      luisFilipe791 27-11-2022, 20:03
      BITW___ 27-11-2022, 19:44
      Gil_Vicente 27-11-2022, 19:35
      LA
      lalaland2 27-11-2022, 19:35
      LA
      lalaland2 27-11-2022, 19:33
      slbmeireles 27-11-2022, 19:23
      batuko 27-11-2022, 19:16
      GatoPreto 27-11-2022, 19:11
      FC
      fcpflaw 27-11-2022, 18:54
      ON
      Onespecial 27-11-2022, 18:49
      ZY
      zyxw4321 27-11-2022, 18:48
      Aquaman 27-11-2022, 18:41
      grove_street 27-11-2022, 18:36
      bludouro 27-11-2022, 18:32
      Kurika 27-11-2022, 18:26
      iSMURF4 27-11-2022, 18:26