história

1966/67: Regresso de Riera

Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
O chileno Fernando Riera regressou aos títulos, liderando o Benfica à conquista de mais um título nacional, depois da interrupção provocada pelos leões uma época antes.

Curiosamente, o grande adversário do Benfica não foi nem o Sporting (4.º), nem o Porto (3.º), mas sim a Académica de Coimbra - orientada por Mário Wilson, onde brilhavam Rocha, Toni e Artur Jorge, que com 25 golos, foi a grande revelação do Campeonato. 

Entre a 6.ª e a 16.ª jornada, a Académica conseguiu uma impressionante sequência de dez vitórias consecutivas, mantendo-se taco-a-taco com Benfica, mas um empate com o FC Porto em Coimbra, seguido de duas derrotas (em São João da Madeira e em casa com o Benfica) deitaram tudo a perder.

Até ao fim, o Benfica segurou a vantagem, com Eusébio em grande, apontando ao todo 31 golos na prova. 

Capítulos
Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
motivo:
EAinda não foram registados comentários...