placardpt
      X
      Euro 2000
      À volta do jogo

      Os pontos de Jaap Stam

      Texto por João Pedro Silveira
      l0
      E0

      Se Jaap Stam e Jan Koller têm vivido nos tempos homéricos, por certo falaríamos hoje de um confronto à imagem daquele que opôs os titãs aos gigantes e aos deuses olímpicos, quando estes tentaram tomar o poder.

      Longe dos dramas e combates violentos da mitologia clássica, a verdade é que a imagem do resultado daquele "confronto de titãs" entre os dois, no relvado da Arena de Amesterdão, naquele domingo, 11 de junho de 2000, correu os ecrãs do mundo. Durante uma disputa de bola, uma cabeçada involuntária do jogador checo abriu o sobrolho do homem de ferro holandês, que se viu, mesmo com ajuda médica, incapaz de controlar o sangue que jorrava descontroladamente face abaixo.
       
      O defesa central que então defendia as cores do Manchester United, não teve prurídos, e fazendo jus à fama de ser intratável, pediu à equipa médica para ser cosido, ali, junto à linha lateral, para num instante poder voltar ao jogo.
      Foram poucos minutos, e breves os momentos em que o mundo assistiu em direto a agulha e respetiva linha atravessarem o sobrolho de um impávido Stam...
       
      Muitos viraram a cara, outros elogiaram a postura, a maioria simplesmente não queria acreditar que um homem era cosido assim sem anestesia para não se perder tempo, de forma tão dolorosa, só para voltar o mais rapidamente possível ao campo.
       
      Jaap Stam acabou por sair aos 75 minutos, entrando para o seu lugar Bert Konterman. A Holanda acabaria por vencer, com uma grande penalidade transformada por Frank de Boer aos 89 minutos. O jogo valeu três pontos à Laranja Mecânica e alguns mais ao defesa central...
      Comentários (1)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      Video?
      2012-04-26 17h44m por vitor84
      Lembro-me bem desse lance. Já por diversas vezes procurei isso na net, em videos e nunca encontrei nada.

      Esse jogo foi um bom jogo, lembro-me que a Holanda teve muita sorte e que a Rep. Checa era das minha selecções preferidas, com Nedved, Poborsky, Berger, Smicer, Koller e Rosicky ainda com 20 aninhos mas a jogar já muito bem. Mas o grupo era muito dificil, com França campeã Mundial em titulo e a holanda também semifinalista no mundial anterior e a jogar em casa.
      jogos históricos
      U Domingo, 11 Junho 2000 - 19:45
      Johan Cruyff Arena
      Pierluigi Collina
      1-0
      Frank de Boer 89' (g.p.)
      Estádio
      Johan Cruyff Arena
      Lotação53748
      Medidas105 x 68 m
      Inauguração1996
      TEXTO DISPONÍVEL EM...
      Futebol holandês