betclicpt
        Vénia ao 3º Anel
        Filipe Inglês
        2020/04/26
        "Vénia ao 3° Anel" é a visão de um Benfiquista profundamente apaixonado pelo ideal do seu clube, mas por isso exigente e racional com quem momentaneamente o representa. A águia tem sempre que voar alto

        Como bom Benfiquista que sou, não gosto nada do FC Porto. Mas mesmo nada. Mas mesmo, mesmo nada. Mas mesmo, mesmo, mesmo...bom, já passei a mensagem. Só que numa coisa eu tenho que os elogiar: são fortíssimos na comunicação. Seja na imprensa, seja nas redes sociais têm sempre diversos elementos a trabalharem para passar a mensagem (alguns chamariam de cartilha) que mais lhes convém. E a pintar a realidade de azul e branco. Uma das vertentes passa por desvalorizar e achincalhar tudo o que é vermelho. Para eles, o Benfica nunca ganha nada com mérito. Campeões em 2005? Estorilgate. Campeões em 2010? Campeonato do túnel. Campeões em 2014? Aqui a superioridade foi tal que nem se atreveram. Campeões em 2015? Já não me lembro, algo terá havido. Campeões em 2016? Campeonato da mala. Campeões em 2017? A culpa é do Benfica. Campeões em 2019? Campeonato do polvo.

        Referi 7 campeonatos do Benfica. E os outros 30? Não há mérito também! Porque muitos foram conquistados antes do 25 de Abril de 1974. E eles já decidiram que o Benfica era o "clube do regime". Pouco interessa que o Benfica tenha sido censurado por ser os "vermelhos" ou ter como hino "Avante p'lo Benfica". Pouco importa que o FC Porto tenha inaugurado o seu estádio num 28 de Maio, em homenagem ao regime, e o Benfica a 1 de Dezembro, em homenagem à restauração da independência. Pouco importa que o Benfica tenha sido o único clube a manter eleições livres e democráticas. Pouco interessa que a FPF tenha obrigado o clube a jogar uma eliminatória da Taça de Portugal no dia a seguir à final da Taça dos Campeões Europeus de 1961. Pouco importa que a Selecção Nacional só tenha jogado pela primeira vez no Estádio da Luz em 1971. Pouco importa que o Benfica tenha tido presidentes comunistas e jogadores membros da resistência em Moçambique. Pouco importa que tirando a história desvirtuada de Inocêncio Calabote (num ano em que foram campeões), pouco mais tenham para apresentar. Pouco importa que o Benfica fosse o clube do coração da maioria dos Portugueses, na Europa ou em África.

        A mensagem que tem que ser passada é que o Benfica ganhava muito antes de 1974, porque era apoiado pela ditadura e pouco ganhou depois, já que deixou de ter o apoio da mesma. Porque de outra maneira, como explicariam o embaraço do tal clube que está "a vencer desde 1893", ter chegado a 1983 com apenas 7 campeonatos? Então a realidade alternativa é criada: eles pouco venciam antes porque eram vítimas do sistema e muito ganharam entretanto porque são os "campeões da democracia". E porque são os campeões da democracia? Porque neste período venceram mais que os outros. Ou melhor, porque venceram mais que o Benfica. O que é verdade. Mas vendo os números a diferença não é tão significativa como tentam vender. Desde 1974 o FC Porto venceu 23 campeonatos. O Benfica 17. O FC Porto venceu 13 Taça de Portugal, o Benfica 11. E quanto às outras menores competições, se o FC Porto venceu 21 Supertaças e o Benfica apenas 8, o Benfica venceu 7 Taças da Liga e o FC Porto 0. Imagine-se o seguinte: da mesma maneira que o Benfica venceu 5 dos últimos 6 campeonatos, que vencerá 7 dos próximos 10 campeonatos. E que o Sporting ganha os outros 3 (ok, admito que esta é a parte mais difícil de imaginar). Ficaria o Benfica com 24 campeonatos no pós-25 de Abril e o FC Porto 23. Ou seja, passaria o Benfica a ser em 2030 o "campeão da democracia"? E ruiria assim toda a conversa do Benfica sofrer com a liberdade? Querem mesmo continuar dependentes dessa linha imaginária para a contagem de títulos? É que poderá vir um dia a mordê-los onde menos esperam (repito, a diferença já só é de 6 campeonatos)...

        É que desmistifique-se outra lenda: o Benfica não parou de vencer em 25 de Abril de 1974. Sabem qual era a média de campeonatos do clube encarnado no fim da temporada 1973/74? 50%. Ou seja, o clube tinha tantos campeonatos como os outros clubes juntos. E 20 anos depois, em 1994 qual era a média? Adivinhem. Sim, 50%. Nos 20 anos seguintes ao 25 de Abril o Benfica continuou a vencer exatamente ao mesmo ritmo que antes. Depois sim, o clube caiu. E caiu porque havia eleições de 4 em 4 anos no país? Porque os jornais podiam escrever sem censura? Não. Caiu porque houve investimento desmedido nos anos 80. Porque houve Manuel Damásio. Porque houve Artur Jorge. Porque houve Vale e Azevedo. Nada a ver com a revolução dos cravos. O clube caiu porque os sócios escolheram maus presidentes, que por sua vez escolheram maus treinadores, que por sua vez escolheram maus jogadores. E quinze anos levou o clube a recuperar o seu lugar, mas já por lá andamos outra vez com regularidade.

        E porque ganhou tanto o FC Porto? Porque nas ruas se pode criticar livremente o governo? Porque quem é da oposição já não vai para o Tarrafal? Não, o FC Porto muito ganhou porque apareceu José Maria Pedroto. Porque apareceu Pinto da Costa. Porque apareceu Futre. Porque apareceu Jardel. E sim, hão-de haver razões sociológicas: o país evoluiu no pós-25 de Abril, descentralizou-se e outras regiões do país, que não Lisboa, cresceram economica e futebolísticamente (tanto que atualmente a Liga de Clubes está sediada no Porto e 90% do campeonato é disputado no norte do país).

        O 25 de Abril é uma data demasiado bonita para cair em clubismos. Para ser instrumentalizada por um clube que quer reescrever a História como lhe convém. 25 de Abril é para todos. Para os vermelhos, para os azuis, para os verdes, para todas as cores. Para todos os Portugueses.

        Ps: Curiosamente, quem passa sempre pelos pingos da chuva neste ridículo debate é o Sporting. Que pós-25 de Abril só venceu 4 campeonatos. Num total de 18. Sim, 18. Já chega de reescrever a História.



        Comentários (21)
        Gostaria de comentar? Basta registar-se!
        motivo:
        Para inglês ver
        2020-05-03 01h25m por JAM79
        Caro comentarista. . . ou algo assim, eu não tenho ódio, não me faz espécie, não me incomoda, não me aborrece, o Sport Lisboa e Benfica, que é uma grande instituição neste pais, sou homem, Portista, Português, sócio do Porto, e sem nenhuma linha política ou religiosa, os rivais são necessários, é isso que fazem os grandes clubes, os grandes jogos, os grandes espetáculos! Mas à sempre um senão, as aberrações, os cromos, os tais que comem gelados com a testa, como diria o David...ler comentário completo »
        BR
        :)
        2020-05-03 00h29m por Bravo
        O vosso hate só demonstra a grandeza do Benfica.
        Tudo
        2020-04-30 15h11m por pedroregorego
        O 25 Abril teve impacto em tudo na nossa valente e imortal nação parem de meter o futebol nesta linda data que é , todos e principalmente os portistas.
        hahah "A águia tem sempre que voar alto"
        2020-04-29 17h20m por Miudo
        Filipe Inglês -> típico adepto tuga e estarola
        TS
        ZZ
        2020-04-28 14h35m por TSG_Hoffenheim_1899
        qual o critério na contratação das pessoas que escrevem as suas opiniões neste site?!?
        É que se é para escrever este tipo de esterco eu envio o meu CV, pior que este artista do Filipe "para" inglês "ver" não faço de certeza.
        Fanáticos não devem ter lugar na Comunicação Social, é por causa de gentinha assim, e mais ainda de quem os contrata, que o ambiente no futebol em Portugal nunca vai melhorar. . .
        FE
        Filipe Inglês
        2020-04-27 22h16m por Ferreira_91
        "Um Benfiquista profundamente apaixonado pelo ideal do seu clube, mas por isso exigente e racional com quem momentaneamente o representa". . . Pelo discurso de ódio, com cartão de visita logo no primeiro parágrafo talvez seja melhor: um benfiquista radicalmente fanático pelo seu clube, sem obedecer à exigência da racionalidade… Enfim, mais um péssimo exemplo de uma espécie de comentador de futebol. Qualquer clube merecia um representante mais digno. . .
        LP
        Anti-dragartada
        2020-04-26 21h32m por lpfcp
        Eu nunca disse que o Benfica era o clube do regime. Disse que o regime favorecia os clubes da capital. Se não entendeste isto neste tempo todo então fico me por aqui. Não consegues construir nenhum raciocínio coerente e dás voltas e voltas, nunca indo de encontra ao assunto em questão.
        A única opção é que sejas um troll, e assim sendo, fizeste um bom trabalho. Boa noite e continua a assistir futebol com essa tua paixão pelo jogo jogado, e não por tudo o que o rodeia.
        LM
        Ó anti-dragartada
        2020-04-26 20h56m por lmanuel
        A verdade custa assim tanto a aceitar?
        Dizer que o 25 de Abril não teve impacto no futebol é olhar para a vida com palas nos olhos!
        Nas décadas de 30 ou 40, o Porto não tinha o domínio da federação. Esse era dos 3 de Lisboa que nomeavam o Presidente (foi assim durante 50 anos caso não saibas). E o que quer que possa ter sido obtido de alargamentos do campeonato nunca poderia ter sido obtido apenas com a vontade do Porto.
        O que não percebo é o que tem isso a ver com a re...ler comentário completo »
        LP
        . . .
        2020-04-26 20h42m por lpfcp
        Tens por exemplo o caso desta coluna, o calabote. Ou o Salazar ter impedido o Eusébio de sair do Benfica quando podia ter ido ganhar muito mais dinheiro. O facto de transmitirem a final da taça dos campeões todos os dias durante semanas. O Benfica foi aproveitado para unir o país, e daí termos muitos mais benfiquistas do que pessoas de qualquer outro clube. Mas o grande benefício das equipas da capital era estarem na capital! Lisboa era a imagem do país e estava anos luz à frente de qualqu...ler comentário completo »
        LP
        . . .
        2020-04-26 20h13m por lpfcp
        Em contraste com a época de 39-40, de facto nessa época 41-42 houve mão de alguém do Porto quase de certeza. . . Um acontecimento que contrasta com décadas de domínio das equipas da capital.
        Mas agora, repetindo-me, gostava que comentasses os casos que referi
        LP
        . . .
        2020-04-26 19h27m por lpfcp
        Gostava então de saber o que tens a dizer sobre todas as provas que sustentam os casos que referi.
        LP
        Acho que houve uma confusão
        2020-04-26 19h10m por lpfcp
        Porque o assunto inicial era a influência do regime e tu focaste-te nessas duas épocas nas quais já vimos que foi a federação que intercedeu contra o Porto retirando o título regional. Quanto ao ponto inicial, até abril de 1974, 36 dos 41 campeonatos disputados tiveram vencedores lisboetas. Se isto não te diz nada. . . Em relação ao ser politicamente correto, só alguém com sentido crítico inexistente é que acha que algum dos grandes nunca cometeu corrupção. No caso do Benfica temos por ex...ler comentário completo »
        LP
        Simplesmente
        2020-04-26 18h42m por lpfcp
        Não acho produtivo discutir com alguém que acha que o Benfica em algum momento corrompeu alguém ou alguma instituição. É não querer ver o óbvio. É como um portista achar que o apito dourado foi inventado e que o Pinto da costa é um santo.
        LP
        Tens razão
        2020-04-26 18h25m por lpfcp
        O Benfica nunca foi beneficiado. Peço desculpa por ter dito algo tão atroz, não sei o que me passou pela cabeça.
        LP
        . . .
        2020-04-26 17h55m por lpfcp
        + nessa situação foi a AF Porto (instituição distrital) que deu razão ao Porto, e a FPF (instituição nacional) retirou essa razão. Sendo que o tópico em causa era o qual o clube do "regime" se é que havia um, ou vários, estando todos eles sediados na capital. Se o Porto foi beneficiado nesse ano pelo regime, pela história não me parece, mas dou o benefício da dúvida. Agora, parece me mais que obvio que foram os clubes da capital a tirar maior partido do regime salazarista, demasiado ce...ler comentário completo »
        LP
        Anti-dragartada
        2020-04-26 17h43m por lpfcp
        Parabéns por mais um comentário com exemplar linguagem. Em 1939-1940, no campeonato regional, houve um jogo entre FC Porto e académico do Porto, no qual não chegou a acabar sequer a primeira parte. O jogo portanto retomado noutro dia, e o FC Porto acabou por vencer, e com essa vitória classificar-se-ia em primeiro lugar. A federação acho que a retoma do jogo terá sido injusta para o académico, cancelando-a sem qualquer justificação, e sem esse resultado o Porto cairia para terceiro. C...ler comentário completo »
        LP
        Anti-dragartada
        2020-04-26 17h12m por lpfcp
        Só pelo teu nick já dá para perceber que tipo de adepto és. Campeonato de 1939-1940 o campeão foi. . . . O Porto. Portanto estás a dizer que alargaram o campeonato para que a equipa que viria a ser campeã não descesse (Sporting foi vice campeão nesse ano). . Em 1941-1942 o porto fica em quarto com mais 17 pontos do que a equipa que desceu e o Sporting fica em segundo. Portanto tenta expressar a tua opinião de uma forma mais racional, de modo a que as pessoas pensem que tens um cérebro.
        RE
        Quimform
        2020-04-26 15h58m por RedLineVigo
        Não tenho paciência para "este bate-boca"
        Final da Taça de Portugal de 1969
        "Contudo, os estudantes encontraram forma de contornar a situação e passar a palavra de contestação ao regime, criando uma primeira mini-manifestação de apoio à Academia na chegada à Estação de Santa Apolónia. Em Coimbra tinham ficado o treinador suspenso e mais alguns dirigentes, enquanto Artur Jorge, a estrela da equipa, se vira impedido de jogar a final, obrigado a prestar serviço militar. "
        Este pequeno texto responde à tua pseudo-resposta.
        LM
        Estupefacto. . .
        2020-04-26 14h40m por lmanuel
        . . . com tamanha demonstração de ignorância!
        Anos a fio a escolha do Presidente da FPF foi feita pelos presidentes de 3 clubes, benfica, sporting e belenenses. Isto só terminou após o 25 de Abril.
        Eusébio não sai para Itália por intervenção direta de Salazar.
        Calabote existiu mesmo.
        O Torreense teve mesmo Valdivieso no banco e os jogadores do Torreense explicaram tudo na TV décadas depois.
        Muitos clubes mantiveram eleições democráticas. Quem o quis ma...ler comentário completo »
        RE
        Sem palavras
        2020-04-26 13h49m por RedLineVigo
        A melhor resposta para a ignorância é. . . ignorar.
        LP
        Filipe inglês
        2020-04-26 13h41m por lpfcp
        O texto todo a defender que o Benfica não tinha qualquer benefício em relação aos clubes do norte, usando argumentos fortíssimos para o demonstrar, como por exemplo fazendo perguntas ao próprio, às quais respondendo "já não me lembro". Fascinante esta estratégia de argumentação, defendida pela maioria dos grandes filósofos.
        Mas mais engraçado é depois vir justificar o maior sucesso do Porto pós 25 de abril com a descentralização. Se não consegue ver a contradição nesta sua abordage...ler comentário completo »
        OPINIÕES DO MESMO AUTOR
        São dias estranhos os que vivemos. Isolados, escondidos, assustados...e no final unidos numa guerra dura contra um inimigo invisível. No espaço de uma semana as nossas vidas ...
        27-03-2020 13:13E9
        Era uma vez um anjo e um diabo a debaterem bola nos ombros de um Benfiquista: Diabo: "Já fomos! Vamos perder este campeonato! Eu já andava a dizer isto há muito ...
        26-02-2020 10:25E4
        Quando se é adepto de um clube de futebol, há duas formas de ver a sua equipa a jogar: no estádio ou pela televisão. Esta semana passei pelas duas experiências e ...
        12-02-2020 15:45E7
        Opinião
        O sítio dos Gverreiros
        António Costa
        A preto e branco
        Luís Cirilo Carvalho
        História, futebol e sociedade
        Tiago Alves
        Bancada de Leão
        Pedro Varela
        O Caldeirão
        Rodrigo Correia