placardpt
      X
      Mude para o zerozero Futsal. Tudo sobre o Futsal aqui!
      Destaque
      Vietname e Venezuela ficaram pelo caminho

      Dia 10: Rússia e Marrocos vencem pela margem mínima e seguem em frente

      2021/09/22 21:37
      Paula Ferreira Lobo
      E0

      "Águas passadas não movem moinhos", que é como quem diz não há vencedores antes dos jogos acontecerem realmente. No dia em que arrancaram os oitavos de final do Campeonato do Mundo de Futsal 2021, as arenas de Vilnius e Kaunas testemunharam jogos com resultados em aberto até ao fim, ainda que com o desfecho esperado à partida.

      Ambos os jogos do dia terminaram com o mesmo resultado, 3-2, e apuraram as seleções da Rússia e de Marrocos para a próxima fase. O marroquinho Soufiane El-Mesrar é um dos destaques do dia, com o hattrick que confirmou a vitória da sua equipa perante os estreantes venezuelanos, fazendo história: nunca a seleção de Marrocos tinha chegado tão longe num Mundial. No outro jogo, a dupla Robinho-Chishkala fez as delícias dos adeptos ao causar estragos perante os vietnamitas.

      Rússia x Vietname

      O primeiro jogo dos oitavos de final colocou frente a frente a Rússia, vencedora do grupo B, e o Vietname, que ficou em terceiro no grupo D - e foi o segundo melhor terceiro da fase de grupos. Se a maioria esperava a continuação do domínio russo perante uma seleção que sofreu 9 golos no jogo de estreia, diante do Brasil, a verdade é que o Vietname veio com a lição desfensiva bem estudada, como demonstra o resultado final: 3-2.

      Os russos tiveram sempre a iniciativa de jogo, e o desnível na posse de bola foi avassalador, mas os vietnamitas tiveram uma abordagem pragmática ao jogo: defender com bloco baixo e coeso, e procurar o golo de contra-ataque. A seleção russa tentava encontrar espaços, e recorria ao remate exterior, mas só aos 11' conseguiu abrir o ativo, num lance desenhado pelos pés de Robinho, que combinou com Afanasyev e apontou o primeiro do jogo. Mesmo com o golo sofrido, o Vietname manteve-se no seu meio campo defensivo, e a toada de jogo continuou igual até aos 18'. Na sequência de uma reposição lateral, Robinho assistiu Chishkala para o golo da Rússia, mas o Vietname usou a cabeça para responder de pronto, literalmente: bola longa do guarda-redes Van Y Ho para a cabeça de Gia Hung Nham que assim assistiu para a cabeça de Nguyen Dac Huy reduzir a desvatangem - um golo à futebol de praia. Ora veja.

      Na segunda parte inverteu-se o sentido da baliza, mas a história do jogo continuou a mesma: Vietname fechado lá atrás, e russos a tentar desmontar o bloco, o que só voltou a acontecer aos 30', com o passe de Robinho para a esquerda, onde Chishkala teve a arte e o engenho - e a paciência - para fazer o terceiro da Rússia. Os vietnamitas apostasram no 5x4+GR, mas foi num erro no controlo da posse de bola dos russos que Duc Hoa Pham reduziu, aos 39', mas a Rússia não tremeu, e segurou a vantagem até ao apito final.

      A Rússia espera agora o desfecho do Argentina x Paraguai (amanhã, às 15h30) para conhecer o seu adversário nos quartos. 

      ©FIFA

      Venezuela x Marrocos

      Ao final da tarde (início da noite na Lituânia), Marrocos venceu a Venezuela por 2-3, num jogo intenso e de pendor ofensivo. O pivot marroquinho El-Mesrar foi a figura da partida, com três golos, num jogo em que Marrocos esteve quase sempre por cima, mas em que os estreantes sul americanos nunca estiveram fora do jogo, nem do resultado.

      Marrocos começou melhor, adiantando-se no marcador aos 3', com o primeiro dos três golos do pivot, após bom trabalho de Anás El-Ayyane. A Venezuela partiu em busca do empate, que chegou aos 6', por Viamonte, já depois de o mesmo camisola 7 venezuelano ter enviado a bola ao ferro de Reda Khiyari. Só que El-Mesrar estava de pé quente, e aproveitou um erro na primeira linha de construção da Venezuela para recolocar Marrocos em vantagem, que a equipa africana conservaria até ao intervalo.

      No segundo tempo, mais um erro na saída de pressão da Venezuela originou o terceiro golo de Marrocos, o hattrick do pivot El-Mesrar, ao 31', e os sul americanos lançaram-se ao ataque, apostando Terán como guarda-redes avançado. A estratégia deu frutos logo de seguida, com Milton Francia a reduzir o marcador para a margem mínima. Perante o golo, a Venezuela acreditava no empate, e fez de tudo para o conseguir, mas Marrocos afinou o bloco defensivo e segurou o passaporte para os quartos de final, uma estreia para a seleção marroquina. Veja o resumo.

      A seleção de Marrocos será espectadora atenta do jogo de amanhã, às 15h30, entre Brasil e Japão, cujo vencedora será o adversário dos campeões africanos nos quartos de final deste Mundial da Lituânia 2021.



      Comentários (0)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      EAinda não foram registados comentários...
      OUTRAS NOTÍCIAS
      Liga Portuguesa
      Playmaker
      Madeirenses vivem momento difícil
      Vitória SC e Marítimo defrontam-se pelas 20h15m, no jogo que abre a 9.ª Jornada da Liga Portugal bwin, numa partida que coloca frente a frente o 7.º e o 13.º da ...
      ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
      CreedEinsteinBratton 22-10-2021, 13:30
      bigshaq 22-10-2021, 13:29
      ES
      Estatisticamente 22-10-2021, 13:27
      ES
      Estatisticamente 22-10-2021, 13:26
      Maxaqueen 22-10-2021, 13:25
      bigshaq 22-10-2021, 13:25
      Maxaqueen 22-10-2021, 13:22
      CreedEinsteinBratton 22-10-2021, 13:22
      berdinho 22-10-2021, 13:20
      ES
      Estatisticamente 22-10-2021, 13:18
      nokes 22-10-2021, 13:18
      marcosilva628 22-10-2021, 13:12
      CreedEinsteinBratton 22-10-2021, 13:10
      Ruben_Ferreira 22-10-2021, 13:09
      Maxaqueen 22-10-2021, 12:46
      CA
      callofjohn 22-10-2021, 12:44