placardpt
      Crónica
      Itália venceu e qualificou-se para os oitavos

      Mamma mia ! Temos candidato!

      2021/06/16 21:51
      Francisco Paulo Carvalho

      Depois de uma boa apresentação na jornada inaugural deste Euro 2020, a Itália voltou a mostrar que é uma seleção a ter em conta nesta edição da prova e venceu a Suíça por 3x0, tornando-se na primeira equipa a qualificar-se para os oitavos de final do torneio. A equipa comandada por Roberto Mancini não só demonstrou uma grande dinâmica ofensiva, como também um alto nível tático. Temos candidato.

      A Itália tinha vencido a Turquia (0x3) no jogo inaugural deste Euro 2020 e sabia, à entrada para a partida, que uma nova vitória, desta vez frente à Suíça, lhe garantia desde já uma vaga nos oitavos de final da prova - País de Gales bateu a Turquia por 0x2 e isolou-se em 2º com quatro pontos. Do outro lado, os suíços estavam mais pressionados e sabiam que,  após o empate (1x1) no primeiro jogo, precisavam agora de vencer para deixar as contas do grupo em aberto.

      Em relação à jornada inaugural, a Suíça não fez qualquer alteração no onze, que voltou a contar com Haris Seferovic, avançado do Benfica, enquanto a seleção italiana, comandada por Roberto Mancini fez apenas uma alteração, com a saída do lesionado Alessandro Florenzi, na lateral direita, para a entrada de Di Lorenzo.

      Masterclass tática italiana

      Depois de ter sido uma das seleções em maior destaque na 1º jornada, a Itália partia para este jogo com o favoritismo do seu lado, mas a Suíça entrou mais agressiva na disputa da bola, mais pressionante e os italianos limitaram-se a procurar (sem sucesso) a velocidade dos seus extremos nas costas da defensiva helvética.

      Verticalidade de Locatelli abriu o jogo ©Getty /
      No entanto, com o passar dos minutos, a Suíça foi baixando as suas linhas de pressão e isso deu mais espaço à seleção italiana para construir e conseguir praticamente «acampar-se» no meio campo adversário, o que dificultou a construção ofensiva suíça. O bloco da Suíça era tão baixo, que apenas Embolo atacava e sempre sem a devida ajuda para criar perigo, tornando-se presa fácil para a experiente defesa transalpina. A nível tático, a Suíça teria superioridade no meio campo, mas o seu bloco excessivamente baixo, aliado a um Jorginho de grande nível a encher todos os possíveis espaços, não permitiram criar qualquer ocasião durante largos minutos.

      A nível ofensivo, a Itália contava com dois médios com bastante liberdade - Locatelli e Barella, em muito devido ao trabalho exímio de Jorginho - assim como Insigne a surgir em posições centrais para criar desequilíbrio. Apesar de estar melhor com bola, o primeiro grande aviso italiano surgiu de bola parada, mas o lance foi anulado por mão na bola do capitão Chiellini (que saiu lesionado pouco depois).

      Contudo, numa das poucas vezes que a Suíça se desmontou a nível posicional, a Itália aplicou um contra-ataque mortífero todo ele "made in Sassuolo". A jogada foi iniciada por Locatelli, que abriu tudo na direita para o irrequieto Berardi. O extremo transalpino trabalhou sobre o defesa e foi até à linha de fundo para cruzar rasteiro para o mesmo Locatelli finalizar - livre de marcação devido ao seu movimento de rotura de trás para a frente - e inaugurar, de vez, o marcador. O médio de 23 anos iniciou a jogada, percorreu metade do campo e fez o seu segundo golo ao serviço da seleção.

      O golo italiano obrigou a Suíça a abdicar do bloco baixo e a subir as suas linhas, com especial ênfase para os alas Ricardo Rodríguez e Mbabu, que finalmente tiveram «autorização» para subir no terreno. No entanto, a defesa italiana mostrou estar num nível acima taticamente e não permitiu qualquer ocasião para os comandados de Vladimir Petkovic, que demonstraram uma grande dificuldade em construir no último terço, em muito devido à ausência de movimentos de rotura da parte dos seus médios e de um pouco de mais velocidade dos seus atacantes (incluindo Shaqiri). Isso permitiu à Itália gerir o ritmo de jogo, que baixou consideravelmente e permitiu à Squadra Azzurra ir para o intervalo a vencer.

      Até deu para fazer experiências

      Com o regresso dos balneários, Petkovic optou por deixar Seferovic no banho mais cedo e colocou em campo Gavranovic, avançado do Dínamo Zagreb, tentando, assim, ter um avançado mais posicional entre os centrais italianos para dar maior espaço de criação aos seus criativos. Assim como no arranque da 1ª parte, a Suíça voltou a entrar mais pressionante e por pouco não surpreendeu Itália, mas os transalpinos foram mortíferos e no seu primeiro lance de perigo (novamente de contra-ataque), o mesmo Locatelli rematou colocado, de pé esquerdo, para gelar os suíços e ampliar a vantagem logo a abrir.

      Suíça teve pouco espaço em quase todo o jogo ©Getty /
      Com as suas ideias a caírem por terra com este novo golo de Locatelli logo a abrir no segundo tempo, Petkovic colocou a carne toda no assador e fez entrar o Steven Zuber, extremo, para tentar finalmente ter alguma presença e velocidade nas alas, algo que não estava a acontecer. O extremo do Eintracht Frankfurt entrou bem nos movimentos de rotura e apenas num par de minutos fez a primeira (e maior) oportunidade de golo para a Suíça, mas Gigi Donnarumma estava atento e destruiu a reentrada dos suíços no jogo.

       Vendo a Suíça a crescer na partida e cada vez com maior perigo e espaço no ataque, Mancini acabou por fazer mudanças «drásticas» a nível tático e colocou o central Rafael Tolói, retirando de campo Domenico Berardi, um dos melhores em campo até então. Esta substituição permitiu à Itália assumir um género de 3x5x2 dinâmico, que não só lhe permitiu encaixar melhor na Suíça, como «experimentar» um novo sistema para outro tipo de jogos que surjam mais à frente.

      Essa mudança tática recolocou a «ordem natural» do jogo, embora com algumas diferenças. A Suíça continuava a assumir a posse de bola, embora apenas conseguisse criar perigo através da médio e longa distância, enquanto a Itália estava focada na sua consistência defensiva. Isso permitiu aos italianos criarem perigo através da velocidade dos seus homens mais adiantados e foi colecionando oportunidades, até que, nos minutos finais, Ciro Immobile aproveitou uma má abordagem de Sommer para, com um remate de fora da área, fechar o resultado em 3x0. A Itália é, assim, a primeira seleção a qualificar-se para os oitavos de final do Euro 2020, com selo de qualidade e de candidato. Por sua vez, a Suíça vai jogar o tudo ou nada na última jornada, frente à Turquia.

      U Quarta, 16 Junho 2021 - 20:00
      Stadio Olimpico
      Sergei Karasev
      3-0
      Manuel Locatelli 26' 52'
      Ciro Immobile 89'
      Stadio Olimpico
      Lotação70 634
      Medidas105x68
      Inauguração1937
      FaseFase de Grupos
      JornadaGrupo AJornada 2
      VIDEOS
      Lances Capitais
      20´
      GOLO INVALIDADO Itália
      Chiellini deu vantagem à Itália no seguimento de um pontapé de canto, mas o lance foi anulado por mão na bola
      26´
      GOLO Itália!
      Manuel Locatelli marca
      Manuel Locatelli marca o seu 1º golo na prova (2 jogos)
      52´
      GOLO Itália!
      Manuel Locatelli marca
      Manuel Locatelli marca o seu 2º golo na prova (2 jogos)
      89´
      GOLO Itália!
      Ciro Immobile marca
      Ciro Immobile marca o seu 2º golo na prova (2 jogos)
      A Chave

      O momento que definiu o jogo acabou por ser o primeiro golo de Locatelli, uma vez que obrigou a Suíça a abdicar da filosofia que tinha até então e isso apenas beneficiou a Itália. Além de ficar com mais espaço no ataque, a squadra azzurra geriu a seu belo prazer o ritmo do jogo devido à falta de originalidade helvética no último terço.

      O Árbitro

      O russo Sergei Karasev acabou por ter um jogo bastante tranquilo, decidindo corretamente no único lance de maior dificuldade: o golo anulado a Chiellini na 1ª parte por mão na bola.

      O Melhor
      Um meio campo de invejar

      A chave deste jogo (e do esquema tático italiano) é, sem dúvida, o meio campo. Jorginho fecha todos os caminhos adversários e dá todo o espaço necessário a que a dupla Barella-Locatelli possa construir e criar desequilíbrios no último terço. Além disso, Insige junta-se várias vezes a esse trio e funciona quase como um médio ofensivo. Um autêntico quebra-cabeças para qualquer equipa.

      O Pior
      Relógio suíço só toca com certas peças

      Se a Itália dominou e controlou a larga maioria do jogo, em boa parte se deveu à 1ª parte paupérrima helvética. Durante os primeiros 45 minutos, os comandados de Petkovic mostraram não ser capazes  de seguir o plano e bater-se com alguém com argumentos superiores, limitando-se a baixar a sua linha e sem conseguir ter jogadores suficientes para criar perigo no ataque. Na 2ª parte, as substituições mudaram um pouco a dinâmica.

      Forma
      Itália
      2020/2021
      13J
      10V
      3E
      0D
      30-2G
      Suíça
      2020/2021
      13J
      6V
      4E
      3D
      26-16G
      Sabia que...by playmaker stats
      A Suíça não ganha em Europeus há 5 jogos
      A Suíça ainda não venceu neste Euro 2020: terá que vencer a Turquia para se qualificar para os oitavos de final
      Itália sem sofrer golos em 10 jogos:
      1973 (recorde, 12 jogos sem sofrer)
      1990
      2021
      Itália soma a 10.ª vitória consecutiva, sempre sem sofrer golos
      4.ª vez consecutiva que a Itália ultrapassa a fase de grupos no Campeonato da Europa
      Itália sem sofrer golos nos 3 primeiros nos grupos numa fase final:
      1990
      2016
      2020
      Itália a vencer os 2 primeiros jogos nos grupos numa fase final:
      1978 Mundial
      1990 Mundial
      2000 Europeu
      2016 Europeu
      2020 Europeu
      A Itália é a 1.ª qualificada para os oitavos de final do Euro 2020
      Sondagem
      RESULTADO SONDAGEM
      ITÁLIA
      EMPATE
      SUÍÇA
      Comentários (36)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      AS
      El_Diablo_Red
      2021-06-17 17h52m por ASNL
      Pois. Mas há quem critica só pelo facto de ser 2 médios defensivos. Mas na realidade ele coloca 2 jogadores diferentes. Danilo é um jogador mais de combate e vertical enquanto que o William é mais pausado e de construção. Portanto como já disse uns tempos atrás, não vejo problema em ter uma dupla composta por um de entre Danilo e Palhinha (este é mais posicional) e outro de entre Ruben Neves e William Carvalho.
      ASNL
      2021-06-17 17h46m por El_Diablo_Red
      o problema não é jogar com 2 médios defensivos mas sim a função deles em campo
      AS
      Portugal e os médios defensivos
      2021-06-17 17h38m por ASNL
      Chamo a atenção para o facto da Itália jogar com 2 médios defensivos e um médio centro. Portanto não deve ser pelo facto de jogarmos com 2 médios defensivos que a seleção deve ser criticada, pois esse não é na sua essência um problema.
      PE
      Itália
      2021-06-17 12h46m por PeterSundays
      Sobre a Itália, nada a acrescentar ao que já foi dito.

      Desde que Mancini pegou na equipa que marcam que se fartam, raramente sofrem, jogam um futebol alegre e positivo. É uma volta de 180º quanto ao futebol associado à Itália e um grupo muito unido, que é essencial nestes torneios. Neste momento, após este segundo jogo confirma um estatuto de favorita.
      PE
      bludouro
      2021-06-17 12h43m por PeterSundays
      Concordo plenamente. Este modelo de Euro Itinerante é não só mau no "desequilíbrio" que provoca entre equipas (com várias seleções a saírem muito favorecidas por jogarem em casa, ou não terem que viajar muito), como o contexto para este modelo acontecer não poderia ser pior.

      Sendo que a Suíça é provavelmente a seleção mais prejudicada em todo o Euro. Intercalar jogos entre Baku e Roma é um disparate tremendo.

      Portugal também é daquelas seleções a quem calhou a...ler comentário completo »
      Itália
      2021-06-17 06h40m por Tekashi
      Não há ninguém acima deles neste momento, zero. Itália está a jogar muito e promete!

      A França e a Bélgica estão no mesmo patamar, e são assim na minha opinião as 3 principais favoritas de momento à conquista final.

      Dirtylooks
      2021-06-16 23h56m por Hidetoshi_Nakata7
      Patrik*
      Esse é muito caro, segundo o transfermarkt esta avaliado em 23 milhoes. So se fosse oferecido um jogador em troca e assim desciamos o valor.
      Peter Schik
      2021-06-16 23h25m por Dirtylooks
      pelo golaço que marcou!
      KE
      AlexisS17_Arsha vin10
      2021-06-16 23h19m por keylor1904
      São caros sim mas perfeitamente alcançáveis na minha opinião. Qualquer jogador deste Euro 2020, de qualidade, vai custar sempre um bom dinheiro.
      O Keylor no Benfica era um sonho mas é quase impossível, é ligar ao Rui Pedro Braz a ver se o vai buscar :D
      keylor1904/Hide toshi_Nakata7
      2021-06-16 23h03m por AlexisS17_Arshavin10
      Também adoro esses dois, mas o Nakata disse opções realistas e não me parece que nenhum desses neste momento possa ser opção para algum clube em Portugal.

      PS - Com a chegada do Donnarumma ao PSG, o Keylor já enviou uma mensagem. E que tal o costarriquenho no SLB?? :D.
      bludouro
      2021-06-16 22h59m por DingyPT
      Falou e disse!
      Concordo!
      este modelo do Europeu não faz sentido absolutamente nenhum, mas infelizmente ninguém levantou problemas nem se pensou muito no assunto. Decidiram "experimentar" para ver no que dá. . .
      Costumo gostar de ver a seleção inglesa a jogar, mas este ano, espero mesmo que percam o mais cedo possível. Eles em particular e os restantes que jogam em casa logo de seguida. . Este modelo não faz sentido nenhum, a única forma que faria algum sentido era se...ler comentário completo »
      Keylor1904
      2021-06-16 22h58m por Hidetoshi_Nakata7
      Eu desses dois prefiro o Bardhi.
      Gostava que ele fosse para um clube superior para evoluir ainda mais.
      IM
      bludouro
      2021-06-16 22h57m por ImBlankSpace
      uma treta pegada este euro. . . . completamente de acordo. . . .
      espero genuinamente que nunca se repita isto. . . o que vale é que no Euro 2024 será tudo na Alemanha. . . . nao quero mais esta treta. . . .
      LO
      bludouro
      2021-06-16 22h55m por LolmacaEoS
      Só falta dizeres que é esse o motivo para jogarmos mal e porcamente. . .
      KE
      Hidetoshi_Nakat a7
      2021-06-16 22h49m por keylor1904
      Da Macedónia gostei do Bardhi, muito bom jogador. Para não falar do Elmas que é um jovem com um potencial enorme.
      3D
      dirtyharry
      2021-06-16 22h47m por 3dA
      Pois, à partida seria um indiscutível tal como Jorginho e Barella mas com Locatelli a ter este rendimento é complicado para Mancini colocá-lo no 11. É no entanto uma alternativa de luxo assim que estiver disponível.
      IM
      Itália
      2021-06-16 22h43m por ImBlankSpace
      não sei pq está tanta gente surpeendida. . . Itália já não perde desde 10 de setembro de 2018. . . desde que perdeu pra Liga das Nações frente a. . . . . Portugal

      a seguir à França são os favoritos junto com Portugal (no papel. . . . em campo temos de fazer melhor). . . . só os Ingleses é que metem a Bélgica e eles próprios á frente deles nas casas de appostas sabe-se la porque. . . .
      FC
      Italia
      2021-06-16 22h39m por FCPorto206
      Estou a gostar de ver esta selecção. Não digo que é candidato porque estamos numa fase muito inicial, mas vale a moeda como ganham o Euro este ano 🙂
      Euro de treta!
      2021-06-16 22h39m por bludouro
      A Suíça é nitidamente prejudicada pelo esquema: enquanto Gales fez comodamente dois jogos em Baku carimbando a passaporte diante uma deprimente Turquia, os helvéticos tiveram de voar mais de 8 horas até Roma para defrontar um autêntico candidato; e depois. . . regressar a Baku já depois de estar tudo praticamente garantido (o País de Gales faz uma única viagem longa até a Cidade Eterna já depois de os dois primeiros lugares do grupo estarem praticamente definidos)!

      Entretanto o...ler comentário completo »
      Hidetoshi_Nakat a7
      2021-06-16 22h37m por AlexisS17_Arshavin10
      É um bom médio, mas deve ir para o West Ham infelizmente. Mas de resto para ser-te sincero, não vejo nomes que possam ser bons para nenhum clube tuga. Ou são irrealistas ou são trambolhos ou não são bons o suficiente.

      PS: Não ainda não comprei. . . estou sem guito, tenho que ver se junto para comprar xD.
      AlexisS17_Arsha vin10
      2021-06-16 22h31m por Hidetoshi_Nakata7
      O Mbabu era um ótimo reforço. Quanto ao Král, já ouvi falar dele mas admito que nunca o vi jogar por isso não sei.
      PS:Sempre chegaste a comprar a Ps5 como tinhas dito ha uns meses?
      Cuidado com a Itália
      2021-06-16 22h28m por bigshaq
      Defendem bem (como sempre)
      Contra-atacam rapidíssimo, têm melhorado muito neste aspeto
      Bons jogadores em todas as posições, que trocam muito bem a bola
      Suplentes como Verratti, Florenzi ou Chiesa.
      Não digo que sejam melhores que Portugal, mas é uma seleção a ter muito em conta. Provavelmente a seleção que melhor está em forma neste europeu
      Itália
      2021-06-16 22h18m por TomPen
      Muito sólida a defender e fluida a atacar.
      Ora vejam. Um grupo de bacanos oriundos de clubes diferentes a SABER O QUE ESTÃO A FAZER EM CAMPO. Nada disto de se atrapalharem um aos outros e a jogar fora de posição.

      Esta Itália pode muito bem chegar às semifinais. Talvez mais longe. Veremos.
      Suíços
      2021-06-16 22h12m por babel17
      Suíços muito macios, de manteiga, por assim dizer, o que facilitou a tarefa dos italianos. Esperava-se bem mais dos helvéticos, que têm apresentado uma selecção bastante competitiva nos últimos anos.
      A Itália, por sua vez, parece ter deixado para trás aquele "catenaccio" tão aborrecido.
      Bom para o espectáculo 😄
      Superioridade total dos italianos
      2021-06-16 22h11m por GatoPreto
      Jogo de sentido único, com total superioridade da Itália, equipa que confirma o seu estatuto de favorita. Um grande coletivo, servido por um grande conjunto de jogadores. Berardi e Locatelli, que grandes exibições!. . . Uma equipa que conjuga juventude e experiência e não tem medo de assumir o jogo quando é necessário, sem a "retranca" tradicional das seleções italianas. Dá gosto ver jogar esta equipa!
      A Suíça esteve bastante mal, quiçá afetada pelo triunfo de Gales ante a Turqu...ler comentário completo »
      12
      OUTRAS NOTÍCIAS
      Amigáveis
      O Wolverhampton venceu, este sábado, o Real Betis por 0x1. A equipa de Bruno Lage celebrou, assim, o seu segundo jogo esta pré-época com um triunfo, sendo que havia ...
      ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
      JiLVicente 24-07-2021, 22:11
      diablored11 24-07-2021, 22:08
      diablored11 24-07-2021, 22:06
      flipflap 24-07-2021, 22:04
      rlegion 24-07-2021, 22:04
      TU
      Tutaemeia 24-07-2021, 22:01
      NandoSantosdoMendes 24-07-2021, 21:52
      Hackerportista 24-07-2021, 21:33
      Pedroboss3 24-07-2021, 21:24
      yellow_ledbetter 24-07-2021, 20:58
      MisticaEncarnada 24-07-2021, 20:47
      MisticaEncarnada 24-07-2021, 20:42
      PE
      Pedro_academico 24-07-2021, 20:27
      sonyec 24-07-2021, 20:26
      sonyec 24-07-2021, 20:25
      ProvedorZero 24-07-2021, 20:24