placardpt
      Ponto de Vista
      Pistoleiro decidiu a última vitória do Boavista em Guimarães

      Hoje há clássico em Guimarães: «É uma rivalidade que quase se assemelha a um Real Madrid x Barcelona»

      2021/02/26 11:14
      Ricardo Lestre e Francisco Paulo Carvalho
      E9

      Pode parecer estranho, mas é verdade. É preciso recuar até ao dia 16 de abril de 2001, há quase 20 anos - temporada em que os axadrezados foram campeões -, para recordar a última vez que o Boavista venceu na casa do Vitória SC. Na altura, Elpídio Silva foi decisivo com um golo e uma assistência e agora falou com o zerozero sobre a mística de um encontro onde já esteve dois dois lados e que compara mesmo a um Real Madrid x Barcelona.

      A atmosfera no estádio era eletrizante. O Boavista estava numa posição cada vez mais confortável para fazer história e sagrar-se campeão nacional pela primeira vez na sua história, mas a equipa e os adeptos vitorianos vieram em força, prometendo fazer a vida negra aos axadrezados no Estádio D. Afonso Henriques - até porque o seu momento classificativo também pedia pontos.

      Elpídio, o Pistoleiro, foi decisivo no último Clássico ©Getty / Neal Simpson - EMPICS
      O primeiro golo surgiu logo aos dez minutos. Nuno Frechaut cruzou na direita, Paiva antecipou-se ao guarda-redes Tomic, mas fez um corte defeituoso e permitiu a Elpídio Silva inaugurar o marcador num lance oportuno. O jogo estava quente e antes do intervalo Evando, do Vitória SC, teve mesmo que ser assistido após ser atingido por uma moeda vinda da bancada. No entanto, já na segunda parte, o mesmo Elpídio assistiu Duda, o seu colega de ataque para o 0x2. Em cima do apito final, Paulão ainda reduziu para os vitorianos, mas os boavisteiros sairiam de Guimarães com a vitória.

      De resto, esta foi uma vitória histórica para o Boavista. Não só deram um importante passo para a conquista do título, como foi também a última vez que venceram na casa do Vitória SC. Desde aí, passaram-se 20 anos e nas 12 temporadas em que as equipas se defrontaram na Primeira Liga - o Boavista esteve seis anos afastado da elite do futebol português, devido ao processo «Apito Dourado» - a turma de Guimarães totalizou quatro empates e oito vitórias nas receções ao Boavista para o campeonato.

      Por isso mesmo, passados 20 anos, o confronto desta sexta-feira entre Vitória SC e Boavista, a contar para a jornada 21 da Liga NOS, adquire especial importância e o zerozero decidiu conversar com o último jogador a dar a vitória aos axadrezados no D. Afonso Henriques: Elpídio Silva, o Pistoleiro, como era conhecido pelas suas célebres comemorações. Com 45 anos, o antigo avançado brasileiro já pendurou as botas, mas contou-nos como foi viver o ambiente desse jogo, em específico, e deste clássico do futebol português, onde já esteve dos dois lados.

      zerozero: Foi há precisamente 20 anos que o Boavista venceu pela última vez na casa do Vitória SC e foi você quem decidiu. Lembra-se desse jogo?

      Elpídio Silva
      Boavista
      Total
      108 Jogos  7533 Minutos
      40   19   1   12x
      ver mais »
      Elpídio Silva: Lembro-me bem desse jogo. Lembro que foi um jogo muito complicado para o Boavista. Era um jogo muito importante e que tínhamos mesmo que vencer para continuar na luta para sermos campeões. Jogos com o Vitória Guimarães sempre foram muito complicados, porque têm sempre equipas muito aguerridas e adeptos muito fanáticos. Lembro-me como se fosse hoje. Marquei cedo e depois conseguimos manter-nos concentrados até ao fim

      zerozero: No fundo, o Elpídio foi decisivo. Foi um jogo muito importante a poucas jornadas do fim do campeonato.

      Elpídio Silva: Sabíamos que era um jogo crucial para as nossas ambições. Aquele golo que eu fiz nasce de uma insistência do Jaime Pacheco, para que eu aparecesse sempre ao primeiro poste... Ele pedia muito isso. Acabei por conseguir finalizar um lance que estava praticamente perdido. Digo sempre que esse foi quase o jogo do título, porque há que passar jogos difíceis para se ser campeão e Guimarães era um desses.

      zerozero: O jogo ficou marcado por o Evando, do Vitória SC, ter levado com um objeto da bancada e ter ficado a sangrar.

      Elpídio Silva: Lembro-me que até chegarmos ao Bessa fomos escoltados e tudo mais. É uma guerra esse jogo. É uma guerra que o Boavista vai ter que preparar. Não é todo o jogador que aguenta essa guerra e na altura o Evando acabou mesmo por ser agredido por um objeto vindo das bancadas, uma moeda.

      zerozero: O Elpídio já viveu os dois lados. Já esteve no Vitória SC e no Boavista. O que diz um treinador quando estas duas equipas se defrontam?

      Elpídio Silva
      V. Guimarães
      Total
      26 Jogos  1996 Minutos
      7   4   1   02x
      ver mais »
      Elpídio Silva: Os treinadores dizem que é um jogo que se tem que ganhar de qualquer forma. Eu estive nos dois lados. Fui muito feliz em Guimarães também. É um jogo à parte, tem que se vencer dê por onde der. É uma rivalidade que se assemelha quase a um Real Madrid x Barcelona. Tem que se vencer e se isso não acontecer passa-se por momentos difíceis. Até a preparação para um jogo destes é diferente. Os adeptos iam ver-nos treinar. Eu encarei esse jogo com outros olhos por causa disso, daí dizer sempre que esse foi o jogo do título para nós. Foi o jogo mais difícil que tivemos.

      zerozero: Não havendo agora adeptos nos estádios, o futebol só fica a perder. Este é daqueles jogos que merecia ter público nas bancadas, não é?

      Elpídio Silva: Este é um jogo que merece mesmo ter adeptos. É algo que favorece as equipas. A equipa que tem os seus adeptos a torcer por si ao longo do jogo acaba por ter o jogo mais facilitado. Acho que neste momento o Vitória SC leva alguma vantagem para o jogo porque está acima do Boavista na classificação, está mais solto e mais leve. No entanto, é um Clássico e tudo pode acontecer. Está 60 para um lado e 40 para o outro.

      zerozero: Tem acompanhado o campeonato português?

      Elpídio Silva: Tenho acompanhado alguns jogos sempre que me é possível. Tenho visto alguns jogos das duas equipas. O Ricardo Quaresma é um grande jogador, que desequilibra a qualquer momento. O Boavista nota-se que tem vindo a subir de nível nos últimos jogos e estava sem confiança, que é algo que não é fácil. Espero que seja um bom jogo e com muita luta no bom sentido.

      zerozero. Mantém contacto com os dois clubes?

      Jogou na Liga dos Campeões pelo Boavista ©Getty / Sebastian Schupfner
      Elpídio Silva: Falo ainda com alguns amigos que jogaram comigo no Vitória SC. No Boavista tento sempre manter contacto. Tenho o meu filho a jogar aí em Portugal, no Vianense, e tenho tentado levá-lo para a equipa sub-23 do Boavista. No entanto, é complicado. As pessoas pensam sempre que vamos pedir alguma coisa e eu acho que jogadores como eu que fizeram história no clube e que levaram a equipa a ser campeã deveriam ter um pouco mais de abertura. Tudo o que queria agora era poder ver o meu filho com a camisola do Boavista também.

      zerozero: Tanto o Boavista como o Vitória SC investiram muito esta temporada em jovens vindos de fora. Pensa que se está a perder a mística da formação assim?

      Elpídio Silva: Eu acho que de certa forma é um bom projeto, porque se tiver investimento é algo positivo. Perde-se é um pouco aquela mística dos jogadores da formação. Hoje em dia vê-se muito pouco essa aposta na formação em Portugal. Acompanho o futebol português e tenho visto o filho do Sérgio Conceição [Francisco Conceição] a abrir espaços. Gosto muito dele. Acho que se devia investir mais nesses miúdos que começam a surgir. Acho que é um bom projeto, mas que deveria olhar também para a formação. É algo muito importante.

      zerozero: Certamente que gostaria de ver Boavista ou Vitória SC conquistarem o título...

      Elpídio Silva: Costumo dizer que gostava de ver um Vitória SC ou um SC Braga campeões, até para variar um pouco dos três grandes (risos). Acredito muito no SC Braga, acho que têm feito um bom campeonato e que têm feito uma aposta interessante na formação. Ficava muito feliz se um Boavista ou um Vitória SC fosse campeão. Tive o privilégio de jogar por essas quatro equipas. Não tive muita sorte no Sporting, mas espero mesmo que sejam campeões, assim como espero que o Boavista regresse rapidamente às competições europeias. Desejo a maior sorte do mundo aos quatro.

      Veja as incidências da partida no acompanhamento feito pelo zerozero.pt.
      Sondagem
      RESULTADO SONDAGEM
      V. GUIMARÃES
      EMPATE
      BOAVISTA

      Fotografias

      Liga NOS: Vitória SC x Boavista
      Liga NOS: Vitória SC x Boavista
      Comentários (8)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      Bairrismo
      2021-02-26 19h55m por azulibranco
      sou tripeiro, sou bairrista, sou regionalista, sou danado pelo feudo da Invicta. Que ganhe o Boavista!
      Redlegion
      2021-02-26 18h22m por RATEL
      Por exemplo o chelsea e fulham que estao quase na mesma rua, nao tem o mediatismo do west ham × millwall
      Redlegion
      2021-02-26 18h20m por RATEL
      Sim tens razao é um derby, usei este exemplo em referência ao comentado abaixo benfica x belenenses, que tambem é um derby e um embate clássico do nosso futebol. :)
      RATEL
      2021-02-26 18h09m por redlegion
      O West Ham - Millwall é mais por ser um derby, já que estão separados por pouco mais que 6 kms e um rio.
      Acrescento ainda
      2021-02-26 18h04m por RATEL
      Os episódios a volta da transferencia de rochinha das panteras para o clube minhoto
      Provedorzero
      2021-02-26 18h03m por RATEL
      Concordo com o comentário.
      Grande rivalidade entre axadrezados e vitorianos, ou leixonenses e vitorianos.
      Assim como ha tambem la fora o escaldante west ham x millwall que nem sequer costumam jogar no mesmo escalão, mas quando se encontram na FA cup por exemplo ha sempre mediatismo neste jogo
      AnalistaDesport ivo
      2021-02-26 17h48m por ProvedorZero
      O Benfica-Belenenses é um verdadeiro clássico porque mete em confronto dois campeões nacionais que já disputaram entre si centenas de jogos na I liga.
      Num clássico não existem grandes e pequenos mas sim toda uma tradição de confrontos.
      Falta os adeptos
      2021-02-26 11h18m por patraodoAnzhi
      Para um clássico do nosso futebol.
      Faz muita falta o Boavistão para trazer mais emoção ao nosso campeonato.
      No caso do Vitória, tem adeptos apaixonados pela equipa mas parece que falta sempre qualquer coisa para darem um salto.
      jogos em destaque
      U Sexta, 26 Fevereiro 2021 - 20:30
      Estádio D. Afonso Henriques
      Fábio Veríssimo
      2-1
      Rochinha 39'
      André André 63' (g.p.)
      Ricardo Mangas 17'
      VIDEOS
      OUTRAS NOTÍCIAS
      Liga Portuguesa
      com video
      Ex-internacional marcou na última jornada
      O experiente jogador marcou no Bessa, na última jornada, e é um exemplo para o restante grupo do Rio Ave, segundo Miguel Cardoso.
      ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
      azulibranco 16-04-2021, 19:06
      Josnei 16-04-2021, 19:03
      RATEL 16-04-2021, 18:55
      RR
      rrI 16-04-2021, 18:53
      ReturnoftheEagle 16-04-2021, 18:41
      otamendidossantos 16-04-2021, 18:23
      OrgulhoBenfiquista2 16-04-2021, 18:20
      otamendidossantos 16-04-2021, 18:13
      CabraCega 16-04-2021, 17:53
      otamendidossantos 16-04-2021, 17:49
      3D
      3dA 16-04-2021, 17:43
      JO
      JoaoSousaaa 16-04-2021, 17:32
      CreedEinsteinBratton 16-04-2021, 17:16
      bludouro 16-04-2021, 17:13
      JeSuisBurundi 16-04-2021, 17:09
      SE
      sergio_fcpedroso 16-04-2021, 17:07