betclicpt
      Empate é mais positivo para os beirões

      Gil cantou de galo, mas Tondela celebrou no fim

      2020/10/17 17:43
      Texto por Humberto Ferreira
      E2

      O Gil Vicente perdeu uma grande oportunidade de somar mais três pontos na Liga NOS. Os minhotos dominaram o jogo todo diante do Tondela, mas um golo incrível de Filipe Ferreira levou a que as duas equipas dividissem os pontos.

      Para tentar surpreender os gilistas, o Tondela apresentou-se com cinco defesas, tal como os minhotos, mas da formação beirã cedo se percebeu que a ideia seria defender mais, enquanto que nos homens de Rui Almeida - mais rotinados ao sistema, pois usam desde o início da temporada - a ideia era usar os laterais para ter mais profundidade no terreno.

      Corredores e grande sobe e desce

      O Gil Vicente nunca escondeu a forma de construir. Do meio para as laterais, para depois procurar novamente o meio e atacar com rigor a baliza do Tondela.

      A equipa de Rui Almeida demonstrou sempre melhor ligação pelo lado esquerdo, com Talocha e Léautey a entenderem-se às mil maravilhas. O Tondela tinha grandes dificuldades em segurar a dinâmica ofensiva do Gil Vicente e foi assim que surgiram os primeiros lances de perigo.

      Niasse foi expulso muito cedo ©Vítor Parente / Kapta+

      A ocupação territorial dos barcelenses tornou-se maior depois da expulsão de Niasse. O guarda-redes do Tondela travou Léautey, quando este ia ficar isolado, e a partir desse momento o jogo só teve um sentido.

      Homem-golo tem novo nome

      Sem surpresas o Gil Vicente chegou ao golo, a meio da primeira parte. A única diferença foi a variante para atingir o objetivo. Os homens de Rui Almeida optaram pela direita, Joel Pereira cruzou, a defesa do Tondela cortou de forma deficiente e Samuel Lino, sem marcação, inaugurou o marcador.

      Samuel Lino já marcou dois golos esta temporada ©Vítor Parente / Kapta+

      O Gil Vicente tinha com os processos ofensivos bem mecanizados e o Tondela não sabia o que fazer. Pako Ayestarán procurou sempre passar para dentro de campo aquilo que queria, mas a equipa demorou a acertar posições.

      O Tondela passou a jogar com quatro defesas, Salvador Agra tornou-se no homem mais ofensivo e o meio campo começou a ganhar metros. Os últimos minutos da primeira parte mostraram uns Beirões mais destemidos, mas sem intensidade.

      Gilistas cheios de  ritmo

      O Tondela mexeu ao intervalo, mas foi o Gil Vicente quem entrou com as ideias bem frescas. Os minhotos tiveram sempre bem presente a forma de planear o ataque e os tondelenses que, naturalmente, iam procurando outro resultado subiram as linhas defensivas.

      Rui Almeida montou uma equipa com muita personalidade ©Vítor Parente / Kapta+

      Vendo que tinha passado a haver espaço nas costas, o Gil Vicente passou a usar a profundidade e fez mossa nas defesa do Tondela. Talocha, Léautey e Samuel Lino tiveram uma sociedade soberba e os minhotos marcaram novamente, mas o brasileiro foi apanhado em fora-de-jogo, por três centímetros.

      Um oásis de outro mundo

      A questão era perceber quando apareceria o segundo golo dos gilistas, mas Filipe Ferreira tratou de mudar a história. Um cruzamento/remate que surpreendeu todos e que deu o empate ao Tondela.

      Filipe Ferreira fez o empate ©Vítor Parente / Kapta+

      O Gil Vicente quase sem saber como sofreu um golo e mudou o esquema. Rui Almeida optou por quatro defesas e meteu muita gente para a frente.

      A grande dificuldade dos barcelenses foi mesmo entrar na defesa do Tondela. Os homens de Pako Ayestarán uniram o meio campo à defesa, voltaram aos cinco defesas e ficaram confortáveis.

      Com um 'rolo compressor' ofensivo, entre muitos cruzamentos e futebol a circular de um lado para o outro, a melhor oportunidade para os minhotos aconteceu com um remate frontal de Fujimoto, já em plena grande área, mas que saiu ao lado.

      O Gil Vicente teve mais bola, mais oportunidades, melhor ideia de jogo e jogou mais de uma hora hora com um jogador a mais, mas não conseguiu ganhar.

      jogos em destaque
      U Sábado, 17 Outubro 2020 - 15:30
      Estádio Cidade de Barcelos
      Miguel Nogueira
      1-1
      Samuel Lino 25'
      Filipe Ferreira 58'
      ESTÁDIO
      Estádio Cidade de Barcelos
      Lotação12 032
      Medidas105x68
      Inauguração2004
      VIDEOS
      Lances Capitais
      25´
      GOLO Gil Vicente!
      Samuel Lino marca
      Samuel Lino marca o seu 2º golo na prova (3 jogos)
      51´
      GOLO Gil Vicente!
      Samuel Lino marca
      Samuel Lino marca o seu 3º golo na prova (3 jogos)
      54´
      GOLO INVALIDADO Gil Vicente
      Samuel Lino estava mesmo em posição irregular e o VAR anulou o segundo golo do brasileiro!
      58´
      GOLO CD Tondela!
      Filipe Ferreira marca
      Filipe Ferreira marca o seu 1º golo na prova (4 jogos)
      Positivo
      Profundidade Gilista

      Lucas Mineiro muitas vezes na primeira parte, Talocha e Léautey no segundo tempo mostraram uma qualidade de passe e ler o jogo acima da média. A forma como o Gil Vicente soube ocupar as costas da defesa adversária merece nota máxima.

      Negativo
      Niasse

      A forma descoordenada como tentou antecipar a fuga de Léautey foi o ponto final do jogo para o guarda-redes. O Tondela já vinha evidenciando debilidades em construir, mas com menos um jogador o cenário piorou.

      Forma
      Gil Vicente
      2020/2021
      3J
      1V
      2E
      0D
      2-1G
      CD Tondela
      2020/2021
      4J
      0V
      2E
      2D
      3-8G
      O Árbitro

      Miguel Nogueira e os seus pares tiveram uma tarde tranquila e sem grande trabalho, mas quando ele existiu não falhou: Foi peremptório, eficaz e sereno. Nota muito positiva.

      Fotografias(15)

      Liga NOS: Gil Vicente x Tondela
      Liga NOS: Gil Vicente x Tondela
      Sondagem
      RESULTADO SONDAGEM
      GIL VICENTE
      EMPATE
      CD TONDELA
      Comentários (2)
      Gostaria de comentar? Basta registar-se!
      motivo:
      Gil Vicente 1-1 Tondela
      2020-10-18 12h59m por ReturnoftheEagle
      Apesar de ainda precisarem de uma vitória, os homens de Pako Ayestarán estiveram bem ao resgatar o ponto em Barcelos com menos um homem em campo desde os doze minutos. Este ano voltarão a estar, muito provavelmente, na luta pela manutenção até à última jornada. Quanto ao Gil, devem fazer mais uma época relativamente tranquila, mas vão ter mais dificuldades que no ano passado, isso é certo.
      Tondela feliz
      2020-10-18 12h16m por tcb9277
      Muita sorte para o Tondela conseguir um ponto nesta partida, ainda para mais reduzido a 10 desde muito cedo.

      Vamos ver se o futebol praticado pela equipa melhora, pois do que se tem visto esta temporada, parece ser aquela em que a construção de jogo mais tem custado a aparecer como deve ser. . .
      OUTRAS NOTÍCIAS
      Liga dos Campeões
      com video
      Análise do treinador do Olympiacos
      Pedro Martins, treinador do Olympiacos, analisou a derrota por 2x0 no Estádio do Dragão, indicando que a sua equipa cometeu erros que não poderiam ter sido cometidos num jogo ...
      ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
      GI
      giuvc 28-10-2020, 03:14
      Drifter 28-10-2020, 02:31
      Drifter 28-10-2020, 02:29
      KE
      Kempes 28-10-2020, 02:29
      Ultras-__FCP 28-10-2020, 02:19
      Ultras-__FCP 28-10-2020, 02:16
      Ultras-__FCP 28-10-2020, 02:14
      KE
      Kempes 28-10-2020, 02:10
      Dragunners 28-10-2020, 02:05
      Drifter 28-10-2020, 01:50
      Dragunners 28-10-2020, 01:34
      champions2004 28-10-2020, 01:31
      Drifter 28-10-2020, 01:20
      Dragunners 28-10-2020, 00:53
      Dragunners 28-10-2020, 00:48
      KE
      Kempes 28-10-2020, 00:47