placardpt
Rangers vs Celtic
Rivalidades

«Old firm»: muito mais que ódio

Texto por João Pedro Silveira
l0
E2

Quem presencia um confronto entre os dois rivais de Glasgow, seja em Ibrox ou no Celtic Park, verá um estádio coberto de bandeiras tricolores da República da Irlanda, orgulhosamente levantadas pelos adeptos do Celtic, e do outro lado, entre as camisolas predominantemente azuis e laranjas, são orgulhosamente apresentadas as Union Jack (bandeiras do Reino Unido).

Um estrangeiro que não conheça um pouco da história de Glasgow, da Escócia, e já agora do Reino Unido e Irlanda, seria levado a perguntar «onde estão as bandeiras da Escócia»?

Católicos vs Protestantes
 
A rivalidade entre os dois clubes tem raízes que vão muito além da pura rivalidade desportiva. A religião é apontada como a razão principal para a divisão entre os católicos do Celtic e os protestantes, mas a rivalidade no «Old Firm» [velha firma] tem também fortes influências políticas.
 
qO rancor está omnipresente no dérbi escocês e quando os adeptos do Rangers cantam para os adversários "até aos joelhos em sangue feniano, rendam-se ou morrem!", cantam-no com a raiva e um orgulho sectário indisfarçável.
Os adeptos do Celtic, na sua maioria, descendentes de emigrantes irlandeses, são republicanos e apoiantes da causa nacionalista irlandesa, enquanto do outro lado, os protestantes "orangistas" do Rangers apoiam incondicionalmente a coroa britânica. O rancor está omnipresente no dérbi escocês e quando os adeptos do Rangers cantam para os adversários «até aos joelhos em sangue feniano, rendam-se ou morrem!*», cantam-no com a raiva e um orgulho sectário indisfarçável. 
 
A rivalidade doentia de Glasgow está ilustrada no número de assaltos, confrontos, desacatos e mortes provocadas nas horas que se seguem a cada «Old Firm». No fim da década de 90, os números apontavam para um aumento de nove vezes no número de doentes que davam entrada nos hospitais da cidade, nas 24 horas depois do dérbi. Política, religião, violência... mas onde entra o futebol em tudo isto?
 
Um negócio entre vizinhos
 
A história do nome «Old Firm» remonta a 1909, quando um enorme motim em Hampden Park, entre jogadores e mais de 60 mil adeptos das duas equipas, interrompeu a realização da final da Taça da Escócia.
 
Tudo começou, quando se espalharam os rumores que as duas equipas tinham combinado um empate para lucrarem financeiramente.
 
A "negociata" ficou colada ao dérbi, que assim ganhou o nome, devido ao facto dos dois clubes lucrarem com a antipatia mútua. Nascia a "Velha Firma".
 
Leões de Lisboa: era dourada do Celtic
 
Desde 1890 que os Rangers fecharam as portas a jogadores de outras religiões, com objetivo óbvio de segregar os católicos. 
 
Por seu lado, o Celtic, apesar de fundado por um Padre, de estar ligado aos católicos e irlandeses, de assumir com orgulho essa herança, a verdade é que, ao contrário dos rivais, o clube verde-e-branco nunca segregou adeptos nem jogadores de outras religiões.
 
qJock Stein, o mítico treinador dos "católicos de Glasgow", fazia questão de contratar jogadores protestantes e de outras religiões, pois sabia que o Rangers nunca iria buscar um craque católico.
Kenny Dalglish, protestante, e adepto do Rangers desde pequeno, foi um dos craques que brilhou de verde-e-branco e com um trevo ao peito, isto porque Jock Stein, o mítico treinador dos "católicos de Glasgow", fazia questão de contratar jogadores protestantes e de outras religiões, pois sabia que o Rangers nunca iria buscar um craque católico.
 
Após meio século de relativo equilíbrio com ligeira vantagem para os azuis, o Celtic tomou a liderança, conquistando nove Campeonatos seguidos, entre 1965-66 e 1973-74. Foi também durante esse período áureo que o Celtic conquistou a Taça dos Campeões Europeus, tornando-se no primeiro clube britânico a conseguir tal feito, e fê-lo batendo o todo-poderoso Inter de Milão em Lisboa, com uma equipa constituída apenas por jogadores nascidos a uma distância máxima de 50 quilómetros de Celtic Park. Essa grande equipa comandada por Jock Stein passaria à história como os «Leões de Lisboa».
 
Glória em tons de azul
 
A glória europeia do Rangers chegou através da então segunda competição mais importante da UEFA, conquistada frente aos alemães do Bayern de Munique em 1972. A nível interno o domínio azul acentuou-se entre 1989 e 1997, com a conquista de uma série de nove Campeonatos seguidos, igualando o feito do Celtic, e cavando o fosso no número de Ligas conquistadas.
 
Ao longo de décadas, o título da Escócia foi monopolizado pelos dois vizinhos e rivais, que levaram para Glasgow a esmagadora maioria dos títulos no país.
 
Foi assim durante décadas, com as equipas a viverem, em turnos, ligeiros momentos de hegemonia. O Rangers foi campeão nove vezes consecutivas entre 1989 e 1997, mas deu ao maior rival a oportunidade para fazer o mesmo quando declarou insolvência, em 2012.
 
O clube recomeçou desde o quarto escalão, mas a escalada foi veloz e o regresso à Premiership ocorreu em 2016/17. O Cletic continuou a vencer até 2020, o tal nono consecutivo, mas nao conseguiu chegar à dezena porque em 2021 o Rangers, comandado por Steven Gerrard, voltou a sagrar-se campeão escocês.
 
O título? Esse não escapa a nenhum dos dois desde 1984-85, quando o Aberdeen, comandado por Alex Ferguson, celebrou a dobradinha. 
 
* Feniano - termo empregue desde o século XIX para referir um apoiante do nacionalismo irlandês, contra o domínio britânico.
 
A glória europeia do Rangers chegou através da então segunda competição mais importante da UEFA, conquistada frente aos alemães do Bayern de Munique em 1972.
 
A nível interno o domínio azul acentuou-se entre 1989 e 1997, com a conquista de uma série de nove Campeonatos seguidos, igualando o feito do Celtic, e cavando o fosso no número de Ligas conquistadas.

Comentários

Gostaria de comentar? Basta registar-se!
motivo:
Rangers all the way!
2020-04-27 15h07m por PortistaInExil
Vivi bem essa realidade, do outro lado do Irish Sea em Belfast. Vivia numa comunidade protestante, e sendo eu adepto dos "Bears", e ligado à Igreja Presbiteriana, estava naturalmente em contacto com o Glasgow Rangers Shankill Road Supporters. Digamos que o sectarianismo futebolístico era vivido intensamente tanto em Glasgow como em Belfast. E nem pensar em entrar com uma jersey dos Rangers em Falls Road (zona "papista")!
Celtic x Rangers
2013-05-28 20h37m por Pedro70
É um grande derby sem duvida.
Mas pelo que eu sei o Rangers faliu à pouco tempo, foi uma pena.
HO
Para mim são os melhores adeptos do mund
2012-11-15 14h55m por hoire
Para mim são os melhores adeptos do mundo, juntamente com os do Liverpool, sempre com as vitorias e com as derrotas, e com lealdade ao clube e as suas estruturas.
Tópicos Relacionados