Error message here!

Error message here!

Esqueceu-se password?

Perdeu a password? Introduza o seu endereço de email. Irá receber um link para criar uma nova password.

Error message here!

Voltar ao login

Odds
BenficaPortugal
PortugalV. Guimarães
CelticEscócia
EscóciaAberdeen
BolognaItália
ItáliaJuventus
história
Clubes

Maccabi Tel Aviv

2015/08/31 18:10
Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
Um pouco de história

Quando se olha para a Palestina rapidamente constatamos que Tel Aviv é um mundo à parte. Uma cidade multicultural, hedonista, secular, numa Terra Santa onde a religião é causa de conflitos há milhares de anos. Hoje, no local onde há pouco mais de cem anos só havia dunas e mato, ergue-se uma «Manhattan» de arranha-céus, alinhada junto ao mar, como a fazer lembrar uma Miami no Mediterrâneo Oriental.

Numa região com séculos incontáveis de História, Tel Aviv - fundada em 1909 por pioneiros hebraicos que tinham emigrado para a Palestina - definitivamente trocou o passado pelo futuro. E foi de olhos postos no amanhã, que começou a surgir das dunas no começo do século XX, quando os novos colonos judeus resolveram começar a construir uma cidade nos arredores da histórica - e maioritariamente árabe - cidade de Jafa. 

Entre esses fundadores de Tel Aviv encontravam-se alguns dos que, três anos antes, tinham feito nascer o mais velho clube de futebol israelita, o HaRishon Le Zion-Yafo Association, ainda na cidade de Jafa  - Yafo em hebraico. 

Com a mudança de grande parte da população judaica para a nascente cidade de Tel Aviv em 1909, o clube "acompanhou" os seus fundadores e estabeleceu-se na nova cidade, com a nova denominação de Maccabi Tel Aviv, escolhendo a Estrela de David como símbolo e o nome Maccabi, em homenagem aos Macabeus, os líderes revoltosos do exército judaico que derrotaram os Selêucidas e que governaram a Judeia entre 164 e 63 a.e.C. (1), repondo o Templo em Jerusalém e restaurando o judaísmo.

Entretanto foram surgindo diversos clubes em Israel e nas diversas comunidades israelitas espalhadas pela Europa, América e África que tomaram o nome Maccabi, dando azo à criação de um movimento desportivo judaico. Em 1921 nasceria a Maccabi World Union, que hoje junta mais 400 mil atletas espalhados por diversos clubes em mais de cinquenta países, nos cinco continentes. 

Mudanças

Em 1917, durante a Primeira Guerra Mundial, a Grã-Bretanha expulsou os turcos da Palestina, assenhoreando-se da Terra Prometida. Durante as décadas seguintes o que é hoje Israel e a Palestina passavam a fazer parte do Mandato Britânico da Palestina.
 
A presença britânica na região ajudou a desenvolver o futebol local. No começo da década de 20, apesar da falta de competições organizadas, o Maccabi Tel Aviv disputava regularmente jogos amigáveis contra outras equipas, muitas delas compostas só por ingleses. Em 1925 e 1926, o clube venceu por duas vezes a Magen Shimshon, uma taça disputada por equipas afiliadas ao movimento Maccabi. 

Em 1928 a Eretz Israel Football Association (2) organizou a primeira edição do Campeonato de Futebol da Palestina, a primeira competição oficial de futebol na região. Seria também em 1928 que se disputava pela primeira vez o Derby de Tel Aviv, com o Maccabi a levar a melhor sob o Hapoel (3x0).
 
No ano seguinte chegava a primeira grande conquista do Maccabi, com a vitória na Taça do Povo, hoje conhecida como State Cup (3) vencendo o Maccabi Hashmonai de Jerusalém (4x0). Em 1930, o Maccabi defendeu com sucesso o título conquistado na época anterior, vencendo desta vez os ingleses do 48.º exército britânico. 
 
Vencedor da Taça novamente em 1933, o Maccabi torna-se num dos clubes mais fortes do futebol palestino. Fruto dos sucessos desportivos da equipa, o clube é convidado a participar numa tour norte-americana, que começou com uma extraordinária vitória por 6x0 sobre uma equipa de All Stars locais, perante 50 mil pessoas no Yankee Stadium em Nova Iorque.
 
De regresso a casa e embalado pelos sucessos na Terra do Tio Sam a equipa conquistaria a Liga da Palestina pela primeira vez em 1935/36, renovando a defesa do título no ano seguinte, voltando ainda a ser campeã em 1939, ano em que o Maccabi iniciou outra tour de dois meses, desta feita por terras australianas. 
 
No outro lado do Mundo, o Maccabi venceria dez jogos e empataria quatro, num total de 19 partidas disputadas, deixando uma bela imagem do "outro lado do Mundo".
 
O nascimento do Estado de Israel
 
Enquanto a Europa se destruía com a Segunda Guerra Mundial e as comunidades judaicas radicadas na Europa viviam o drama da ocupação nazi e o tenebroso Holocausto, na Palestina o futebol continuava, com o Maccabi a vencer mais um campeonato em 1941/42. 
 
Novo título seria festejado em 1947, somando-se às taças conquistadas em 1941, 1946 e 1947, para tornar o Maccabi - juntamente com o rival Hapoel - num dos clubes mais titulados da Palestina antes da independência de Israel, a 14 de Maio de 1948.
 
Um dia depois de Ben Gurion declarar a independência, tropas do Egito, Iraque, Jordânia e Síria invadiram Israel. A guerra duraria aproximadamente um ano e terminaria com a vitória israelita e uma alteração completa do status quo na região. Durante esse ano, jogadores, treinadores, atletas de diversas modalidades e dirigentes do clube, além de muitos sócios e adeptos pegaram em armas e lutaram pela realização do seu sonho de verem um estado judaico na Terra de Israel.

Muitos perderam a vida, outros ficaram feridos, mas terminado o conflito o Maccabi estava pronto para regressar, mais forte do que nunca e preparado para se tornar a força dominante da recem independente nação. 
 
A era dourada
 
Os cinco títulos de campeão e as quatro Taças conquistadas durante os anos 50 transformaram o Maccabi no mais poderoso e mais popular clube do país. 

Durante os anos seguintes o Maccabi assistiu à ascensão do Hapoel Petah Tikva, que se sagrou pentacampeão entre 1959 e 1963. 
 
Os amarelos teriam de esperar por 1968 para colocar um ponto final no jejum de campeonatos que já durava desde 1956, mas na taça a década de 60 seria com vitórias em 1964, 1965 e 1967.
 
Seria também ainda em 1968 que o Maccabi se mudou para o Bloomfield (4), estádio que fora inaugurado em 1960 e durante os primeiros anos era utilizado somente pelo Hapoel. 
Se a década de 60 não fora do total agrado dos adeptos do Maccabi, os anos 70 veriam o regresso do "papa-taças" que dominara o futebol israelita nos anos 50. Entre 1970 e 1980, o Maccabi venceu quatro ligas e duas taças, mas os grandes sucessos do historial do clube seriam conquistados internacionalmente, com a a vitória na Taça dos Campeões Asiáticos em 1969 e 1971. Contudo seria ainda na década de 70, mais precisamente em 1976, que pela primeira vez na sua história o Maccabi teve que lutar até às últimas jornadas pela manutenção no primeiro escalão.

A travessia do deserto e o regresso

A década de 80 seria tão pobre para o currículo do gigante israelita, que os adeptos do clube ainda se referem aos anos 80 como os «anos magros». A conquista de apenas duas taças não chegaram para reconfortar a sua imensa falange de apoio que durante esses anos teve de viver à sombra dos seus rivais como o Hapoel Tel Aviv, o Beitar de Jerusalém, o Maccabi Haifa ou o Maccabi Netanya. 

O "borrego" só seria morto em 1991/92, com a conquista do 15.º título de campeão. O homem por trás do regresso do clube amarelo aos títulos foi um jovem treinador israelita que mais tarde ficaria famoso por passar pelo futebol inglês: Avram Grant. 

Novos títulos seriam somados ao palmarés em 1995, 1996 e 2003, antes de iniciar-se um longo interregno que só seria interrompido dez anos depois (5). 

-----------------------
(1) Até à conquista romana da Palestina.
(2) Eretz Israel Football Association, literalmente a Federação de Futebol da Terra de Israel. A Eretz Israel (a Terra de Israel) é, segundo a Bíblia Judaica, a Terra Prometida por Deus aos descendentes de Abraão pelo seu filho Isaac, e engloba territórios que hoje fazem parte dos modernos estados de Israel, Egito, Síria, Palestina, Líbano e Jordânia.
Com tal, convém não confundir Eretz Israel (Terra de Israel) com Medinat Israel (o Estado de Israel), um estado moderno que tem as suas fronteiras dentro desses territórios reclamados pela tradição bíblica judaica. 
(3) Nome por que é conhecida a Taça de Israel. 
(4) O Estádio Bloomfield fica localizado em Jafa e é hoje em dia a casa dos três principais clubes da cidade: Maccabi, Hapoel e Bnei Yehuda.
(5) Entre 2013 e 2015 o Maccabi conquistaria mais três campeonatos. 

Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
Motivo:
Tópicos Relacionados
Estádio
Bloomfield Yafo
Bloomfield Yafo
Israel
Jaffa - Telavive
Lotação14413
Medidas-
Inauguração1962