Error message here!

Error message here!

Esqueceu-se password?

Perdeu a password? Introduza o seu endereço de email. Irá receber um link para criar uma nova password.

Error message here!

Voltar ao login

Odds
BenficaPortugal
PortugalV. Guimarães
CelticEscócia
EscóciaAberdeen
BolognaItália
ItáliaJuventus
história
Clubes

IFK Göteborg

2015/08/06 15:38
Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
No fim do século XIX o desporto sueco era ainda muito incipiente. Longe de ser o país desenvolvido que hoje é, a Suécia do século XIX podia ser considerada um país atrasado, com a esmagadora maioria da sua população a viver da agricultura e pesca, assim como das minas e da exploração das florestas.
 
Mas o século XIX transformou o país e no último quarto de século a Suécia começava a recuperar tornando-se num exemplo de desenvolvimento e industrialização acelerada. Com os capitais e industrias estrangeiras chegaram novas ideias, entre elas a prática do desporto, que os suecos abraçaram rapidamente.

E é precisamente na última década do século XIX que a nossa história começa, mais precisamente em Estocolmo, capital da Suécia, onde dois estudantes, Louis Zettersten e Pehr Ehnemark, tinham o sonho de criar uma associação desportiva, que teria sede na capital e diversas delegações pelas cidades mais pequenas da província.
 
Após muito debaterem a ideia, resolveram publicar um anúncio no jornal do movimento associativo juvenil «Kamraten», (O Camarada), era o primeiro dia do mês de Fevereiro de 1895. Nesse anúncio, pedia-se que todos os rapazes e raparigas interessados em desporto que se juntassem à nova associação. Menos de dois meses depois, já existiam diversos clubes em  Estocolmo, Luleå, Härnösand, Uppsala, Jönköping ou Västerås.

O nome escolhido para o clube seria Idrottsföreningen Kamraterna (abreviado para IFK) para homenagear o jornal que tornara possível a criação da associação. As cores eleitas eram o azul e branco. 

A secção de Gotemburgo

Foi no Café Olivedal, em Annedal, na cidade de Gotemburgo, Suécia, que nasceu o IFK Göteborg, no distante 4 de outubro de 1904, sendo o 39.º clube IFK do país. O azul e branco foram as cores escolhidas para o emblema e no centro um leão que segura uma espada e as três coroas da Suécia.
 
Escolhido o nome, as cores e o emblema, chegou o momento de se formar um comité para organizar o departamento de futebol. E o primeiro jogo seria disputado no coração de Annedal, em Karlsrofältet. As crónicas registam uma vitória clara (4x1) sobre os vizinhos do IF Viking.
 
Primeiros sucessos
 
Os primeiros anos do novo clube foram vividos à sombra do Örgryte IS, o maior clube da cidade, dominador do futebol local. A primeira vitória do IFK sobre os vizinhos só chegaria em 1907, um ano antes do clube conquistar pela primeira vez o Campeonato Sueco, que então se disputava num torneio em jeito de taça. A rivalidade entre os dois clubes foi crescendo nesses primeiros anos.
 
O Örgryte era a primeira grande potência do futebol sueco, equipa que havia jogado o primeiro jogo disputado na Suécia em 1892, e naturalmente acumulava vitórias e troféus, não estranhando que se tenha tornando no vencedor das duas primeiras edições da Svenska Serien, o primeiro campeonato sueco disputado nos moldes que conhecemos, com jornadas e duas voltas, começou a ser jogado em 1910.

Mas em poucos anos o IFK formou uma equipa capaz de rivalizar - e ultrapassar - o todo poderoso Örgryte. Seria já equipa com o histórico equipamento azul-e-branco (1910) que o IFK começou a disputar a liga, que venceria pela primeira vez na época 12/13.

O primeiro título de um famoso pentacampeonato que afirmou o Göteborg como a maior potência do futebol sueco, feito reafirmado pelo empate que o IFK conseguiu num jogo contra a Seleção Olímpica da Suécia em vésperas das Olimpíadas de 1912 em Estocolmo. De tal maneira foi a exibição e o impacto do resultado, que a imprensa sueca não se coibiu de chamar o IFK Göteborg como «a melhor equipa sueca de todos os tempos».
 
Quanto à prova que então era conhecida como o Campeonato Sueco, o IFK conquistou o troféu pela terceira vez em 1918.
 
Modernização
 
Em 1921 Sándor Bródy tornou-se no primeiro manager do clube, que então era um papel entregue ao capitão de equipa. Três ano mais tarde o lendário Filip Johansson vestiu pela primeira vez a camisola dos Änglarna (2).
 
Após anos de jejum, o IFK venceu a Allsvenskan em 1934/35, mas contra todas as expectativas seria despromovido em 1937/38. A presença no inferno do segundo escalão duraria só uma época e rapidamente voltaria aos sucessos, vencendo a competição em 1941/42.
 
Estrela dessa equipa era o talentoso Gunnar Gren, que vestiu a camisola do IFK durante oito épocas até 1949. Gren marcou uma época na história do IFK, tornando-se melhor marcador da Liga em 1947 e fazendo parte da histórica equipa sueca que venceu a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres em 1948.
 
As suas exibições nas Olimpíadas tornaram impossível ao IFK manter a sua estrela, que um ano depois partiu para Milão, onde formou o famoso trio atacante Gre-No-Li, juntamente com dois suecos que o Milan contratara ao Norrköpping: Gunnar Nordahl e Nils Liedholm.
 
Sem Gren, o clube voltou a viver um período de crise, caindo novamente de divisão. O regresso seria novamente na época seguinte, mas o clube ainda teria de esperar uns anos até voltar a conquista o campeonato, em 1957/58, pondo fim a um longo jejum que durava desde os tempos da Segunda Guerra Mundial.

Os Azuis-e-brancos só seriam novamente campeões em 1969, mas na época seguinte novo desastre, com nova traumática despromoção. 
 
Regresso
 
Ao contrário de épocas anteriores, desta feita o IFK não conseguiu regressar imediatamente e durante três épocas arrastou-se pelo segundo escalão, sem demonstrar ter capacidade de regressar à primeira divisão.
 
Seria só em 1976 que o clube conseguia regressar ao convívio dos grandes. Três anos depois, a direção resolveu contratar o treinador Sven-Göran Eriksson que veio revolucionar o futebol do clube.
 
Com o seu 4-4-2 com muita pressão e futebol apoiado, o IFK de Eriksson surpreendeu tudo e conseguiu terminar em segundo lugar na Allsvenskan, conseguindo vencer a Taça da Suécia pela primeira vez.

O ano mágico seria 1982, com a equipa entretanto reforçada com Thomas Wernerson e Stig Fredriksson a conquistar a Liga e a Taça novamente, surpreendendo também na Europa, onde bateram o Hamburger SV por um acumulado de 4x0 na final da Taça UEFA. Três competições, três conquistas. O IFK tornava-se uma referência na Europa e Eriksson partia para Lisboa, onde teria sucesso no Benfica.
 
Cinco anos mais tarde o IFK voltaria a conquistar a UEFA, desta feita batendo os escoceses do Dundee United na final. Internamente os «camaradas» tornaram-se na grande força dominadora conquistando dez títulos de campeão da Suécia entre 1982 e 1996.

Em 1986 o IFK conseguiu chegar pela primeira vez à meia final da Taça dos Campeões, sendo eliminado pelo Barcelona. Os catalães seguiram para a final depois de vencerem o desempate por grandes penalidades, mas no jogo decisivo em Sevilha acabariam vencidos também no desempate por grandes penalidades, perdendo com os romenos do Steaua

Pentacampeões entre 1991 e 1995, os leões azuis-e-brancos tornaram-se presença habitual na Liga dos Campeões, onde em 1993 venceram um grupo onde defrontaram alguns dos melhores clubes da Europa como o Manchester United, Galatasaray ou Barcelona, acabando por serem eliminados nos quartos-de-final pelo Bayern
 
Com o passar dos anos o futebol do IFK e dos principais clubes suecos tornou-se incapaz de medir forças com as principais potências europeias.
 
Na Allsvenskan o IFK entrou num novo período de jejum esperando até 2007 para voltar a levantar o troféu de campeão. Não obstante o menor número de conquistas no novo milénio, o IFK é ainda considerado um dos três grandes do futebol sueco, juntamente o Malmö FF e o AIK de Estocolmo.
 
-----------------------------------------------
(1) Idrottsföreningen Kamraterna - Sociedade Desportiva os Camaradas
(2) Änglarna - «Os Anjos» - Uma das alcunhas dos jogadores e adeptos do IFK.
Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
Motivo:
Tópicos Relacionados
Estádio
Nya Ullevi Stadion
Lotação43000
Medidas105x65
Inauguração1958