história

1936/37: Passeio benfiquista em ditadura lisboeta

Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
1936/37 - Ditadura lisboeta
 
Pela primeira vez na história os três grandes clubes de  Lisboa reclamaram o pódio da prova. Benfica (24), Belenenses (23) e Sporting (20) discutiram entre si a supremacia nacional, enquanto o FC Porto terminava em 4.º lugar com 14 pontos e um estranho saldo de 31 golos marcados contra 31 golos sofridos. 
Pela primeira vez na história os três grandes clubes de  Lisboa reclamaram o pódio da prova. Benfica (24), Belenenses (23) e Sporting (20) discutiram entre si a supremacia nacional, enquanto o FC Porto terminava em 4.º lugar com 14 pontos e um estranho saldo de 31 golos marcados contra 31 golos sofridos. 
 
A segunda edição da Liga Experimental não teve muita história. Sporting, Belenenses e Benfica venceram na primeira jornada, enquanto o Carcavelinhos empatava o FC Porto a zero.

Na segunda jornada, o Benfica goleou o Carcavelinhos e aproveitou o empate a uma bola nas Salésias entre Belenenses e Sporting para se isolar no primeiro lugar.
 
Na terceira jornada, enquanto o Benfica esmagava o Leixões por 10x2, Sporting e Porto empatavam a duas bolas no Campo do Ameal na Invicta, enquanto o Belenenses perdia em casa com a Académica.

O Benfica era ainda mais primeiro, posição em que se manteve até ao fim da prova, num campeonato sem história, onde só perdeu nas Salésias e no Ameal. Já o Sporting perdeu em casa 1x4 com o velho rival e foi goleado por 5x1 na segunda volta, numa época para esquecer, no que toca a dérbis...
Capítulos
Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
motivo:
EAinda não foram registados comentários...