Error message here!

Error message here!

Esqueceu-se password?

Perdeu a password? Introduza o seu endereço de email. Irá receber um link para criar uma nova password.

Error message here!

Voltar ao login

MoreirensePortugal
PortugalBraga
V. GuimarãesPortugal
PortugalPortimonense
Real SociedadEspanha
EspanhaEspanyol
história
Grandes jogos

Argentina x Inglaterra: A mão de Deus

2012/03/28 16:34
Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
22 de Junho de 1986 foi o dia em que Maradona marcou os dois golos mais famosos da sua carreira: um golo marcado com a "mão de Deus" e aquele que ainda hoje é considerado o melhor golo de sempre.

Depois da Guerra das Malvinas (Falkland em inglês) - conflito militar que tinha oposto argentinos e ingleses em 1982 - era primeira vez que os dois países se defrontavam no campo. Os Argentinos, militarmente vencidos no teatro de Guerra do Atlântico Sul, procuravam a vingança no relvado do Estádio Azteca na Cidade do México.
 
Contra a armada britânica apresentavam Diego Armando Maradona como grande bandeira e líder indiscutido.
 
A primeira parte, confirmando os vaticínios dos comentadores mostrou uma Argentina mais forte, dominadora, mas sem conseguir transformar em golos essa superioridade. 
 
Mas tudo mudou quando logo aos 6 minutos, após um defeituoso alívio da defesa inglesa, Maradona antecipou-se ao guarda-redes Shilton e com "ajuda divina" marcou o primeiro golo dos alvicelestes
 
Em vão foram os protestos dos ingleses pois o Tunisino Ali Bin Nasser apontou para o meio campo.  A Argentina vencia por 1x0.
 
Maradona, a estrela genial que levaria a Argentina à conquista do mundial mexicano de 1986.
Três minutos depois Maradona roçou os céus e atingiu a imortalidade....pouco antes do meio campo pisa ligeiramente a bola e rodopia, deixando com este movimento Beardsley e Reid para trás, passa a linha que divide o terreno de jogo e avança em direcção a Butcher, pica a bola para a esquerda e foge ao inglês, surge-lhe um novo defesa pela frente e o Pelusa toca a bola pela direita e continua o slalon entrando na grande área. Apertado por Fenwick, desvia a bola de Peter Shilton e ainda sente um toque do defesa inglês, mas com o pé esquerdo empurra a bola para a baliza deserta da Inglaterra.
 
O estádio que tinha sustido a respiração entra em delírio e Maradona corre para a bandeirola de canto seguido pelos colegas...
 
Lineker ainda marcaria um golo de consolação para os súbditos de Sua Majestade, mas a vitória era Argentina e os sul-americanos seguiriam em frente para vencer belgas e alemães e conquistar o seu segundo título mundial.
 
 
Maradona numa partida só marcava os dois golos mais importantes da sua carreira. Um primeiro muito criticado em Inglaterra e um pouco por todo o mundo, o segundo, unanimemente considerado como o golo do século, um golo apenas ao alcance de deus, do deus do futebol argentino. 
Capítulos
Comentários (1)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
Motivo:
Ko
Triste.
2012-11-15 19h47m por Koral
Este jogou muito, mas a verdade é que sempres teve a carreira ensombrada por drogas. Os seus melhores tempos foram no Nápoles. Corria muito nessa altura. . .
Ele é considerado um deus porque ganhou o mundial com um golo ilegal. Isso deveria ser um motivo de vergonha e não de orgulho.
jogos históricos
U Domingo, 22 Junho 1986 - 11:00
Estadio Azteca
Ali Bin Nasser
2-1
Diego Maradona 51' 54'
Gary Lineker 80'
Estádio
Estadio Azteca
Estadio Azteca
México
Cidade do México
Lotação99250
Medidas105x68
Inauguração1966