PortuguêsEnglishFrançaisEspañolDeutschItalianoBrasilInternational
RSS
Facebook
Twitter
Blog
Mobile

Ricardo Costa: «Voltar ao FC Porto seria um sonho para mim»

Ricardo Costa, FC Porto, Valencia | 2013-09-27 11:02




Gostaria de comentar? Basta registrar-se!

 

Ricardo Costa é um dragão dos sete costados. Hoje capitão do Valencia, o internacional português não se desliga do seu FC Porto e admite que até foi convidado para assistir este sábado à inauguração do museu azul e branco. Não pode, mas não põe de parte regressar um dia ao seu clube preferido.

«Toda a gente sabe que é o clube do meu coração e, nesta altura da minha carreira, seria um orgulho poder regressar. No entanto, a minha contratação não se enquadra com a política de mercado do FC Porto, com o tipo de jogadores que procuram. De qualquer forma, se quiserem, o Antero [Henrique], o Adelino [Caldeira] e o presidente têm o meu número. Voltar ao FC Porto seria um sonho para mim», declarou o central numa entrevista ao Record.

«Helton e Lucho estão ligados à história do clube»

©Carlos Alberto Costa
«Fui capitão do FC Porto e, para mim, esse é um motivo de enorme orgulho», vincou Ricardo Costa, antes de deixar elogios aos atuais líderes do balneário azul e branco.

«[Helton e Lucho] São dois grandes amigos e trazem com eles a mística do FC Porto. A braçadeira está muito bem entregue, tenho a certeza disso. São dois jogadores muito queridos pelos adeptos e o treinador sabe que pode contar com eles, sabe que o êxito da equipa passará por eles e que estão prontos a dar a cara nos momentos menos bons, o que ajuda a sacudir a pressão», salientou o defesa che.

«Pela parte que me toca, gostaria que ambos terminassem a carreira no FC porto, pois estão ligados à história do clube. Se o fizerem, se continuarem no clube e na cidade, podemos encontrar-nos daqui a 10 anos para tomar um café e conversarmos sobre os bons momentos que passámos no FC Porto», brincou Ricardo Costa.

«Mangala será dos melhores centrais do mundo»

©Catarina Morais
As palavras simpáticas do central estenderam-se também à dupla que ajuda a fechar a baliza dos dragões: Mangala e Otamendi.

«Tanto o Mangala como o Otamendi têm muita qualidade, mas o Mangala é muito mais falado e isso compreende-se. Ele tem vindo a evoluir muito e está no clube certo para aprender ainda mais», avaliou Ricardo Costa.

«Ainda não é um produto acabado, mas se continuar a trabalhar e a evoluir da forma que tem feito até aqui, será sem sombra de dúvida dos melhores centrais do mundo», atirou o habitual titular do Valencia.

«Jackson já é uma referência»

©Catarina Morais
A conversa com o Record prolongou-se e chegou a Jackson Martínez: Ricardo Costa também só teve coisas boas a dizer do número 9 dos tricampeões nacionais.

«[Jackson] É um verdadeiro ponta-de-lança, daqueles que não enganam. Faz golos, trabalha muito e já é uma referência do FC Porto. Terá agora um teste de fogo, com o At. Madrid, pois vai defrontar dois centrais muito fortes [ndr.: Miranda e Diego Godín]. Vai ter muito trabalho para encontrar espaços, mas é nesse contexto que poderá mostrar toda a sua qualidade», anteviu o experiente defesa português.

©Catarina Morais
Alerta: At. Madrid «não joga bonito», mas é «muito eficaz»

Tocando precisamente no tema At. Madrid, próximo rival dos azuis e brancos no grupo G da Liga dos Campeões, Ricardo Costa deu o mote para que seja o clube da Invicta a sorrir na terça-feira à noite.

«Penso que o FC Porto tem de ser fiel aos seus princípios, jogar como sabe. A atenção tem de ser máxima e contínua, até porque eles são muito fortes no contra-ataque. O At. Madrid não tem um estilo de jogo bonito mas é muito eficaz», alertou o camisola 20 do Valencia.

«Normalmente jogam em pontapé largo e exploram muito bem as segundas bolas. De resto, os homens da frente são muito fortes no um para um. (…) Em suma, o At. Madrid vai procurar jogar no erro do FC Porto, sendo o seu objetivo intercetar a bola e sair em contra-ataque rápido», avisou o internacional português, destacando em especial um jogador dos colchoneros.

«O Arda Turan é muito bom, tem muita qualidade, é rápido», apontou. «Num dia inspirado pode ser um desafio muito complicado para o FC Porto», rematou Ricardo Costa.

Portugal Ricardo Costa
Ricardo Miguel Moreira da Costa
Portugal Portugal
1981-05-16 (33 anos)
Defesa
80 kg
183 cm


Notícias Relacionadas
2014-08-27 Roma tenta levar Rolando
2014-08-27 Diego Reyes: «Continuo a trabalhar para ser titular»
2014-08-26 Julen Lopetegui elogia grupo, Brahimi falou de uma eliminatória «difícil»
2014-08-26 Lopetegui conforta Ricardo Quaresma (com foto)
2014-08-26 'Avião' argelino segurou os milhões na Invicta (2x0)
2014-08-26 Quaresma começa no banco, Kalou não joga
2014-08-26 Raul Gudiño chega ao FC Porto
2014-08-26 17 coisas que Rúben Neves ainda não pode fazer
2014-08-26 Venham de lá esses milhões!
2014-08-25 Três grandes: Melhor arranque conjunto dos últimos 12 anos
2014-08-25 Portugueses nos convocados de Gourcuff
2014-08-25 Passagem portista dá quarto ataque a três à fase de grupos
Comentários (2)
Gostaria de comentar? Basta registrar-se!
helton e lucho sao realmente 2 grandes por rsg42013-09-27 17h13m
capitaes, helton ainda pode ficar muitos anos no portoe lucho pelo que mostrou ate agora neste inicio de epoca, tem sido o melhor jogador da equipa e por isso que fique por muito tempo, quanto ao ricardo costa e um central que qualidade, mas o porto esta bem servido nessa posiçao(alias tem estado ha muito tempo) e o ricardo realmente nao se enquadra na poilitica de contratacoes do clube


Ricardo costa por treinadordebancada12013-09-27 15h10m
pode ser, o helton deve sair este ano, o lucho, para o ano deverá ser o seu ultimo tambem, e uma equipa nao pode ser só jovens. . .


  (2 comentários)
Tópicos Relacionados
Em destaque...
Últimos Comentários
Comentários Jogos
Publicidade