Playmaker - O futebol em números!

Error message here!

Error message here!

Esqueceu-se password?

Perdeu a password? Introduza o seu endereço de email. Irá receber um link para criar uma nova password.

Error message here!

Voltar ao login

BragaPortugal
PortugalSporting
JuventusItália
ItáliaBologna
ChavesPortugal
PortugalBenfica
O meu mundo aos quadrados
José Pedro Pais
2018/09/11 12:48
"O meu mundo aos quadrados” é uma coluna de opinião que pretende fugir ao império comunicacional dos três grandes, sob a perspetiva de um adepto do futebol pela positiva, profissional e transparente, que por acaso é boavisteiro.

A percepção de Justiça em Portugal tem evoluído significativamente ao longo dos últimos anos.

A assinalável coragem da actual PGR que “chamou à cruz” banqueiros, empresários, políticos, e até um ex-primeiro ministro, foi aplaudida pela gigantesca maioria dos portugueses e ajudou a construir uma imagem de que a justiça portuguesa poderia finalmente chegar a todos.. até que chegou ao futebol.

O que mais me surpreendeu durante toda esta semana de discussão prolixa acerca do processo e-toupeira, foi o facto de não se ter feito uma única vez a comparação entre o actual caso e o que levou o Boavista à descida de divisão, pese embora se tenham regurgitado inúmeras vezes as palavras “Apito Dourado”.

A verdade é que o processo “Apito Dourado” produziu uma, e uma só, vítima: o Boavista.

O Boavista foi alvo de uma vergonhosa amálgama jurídica que o empurrou para a segunda divisão, e que eu esperava ver agora ser denunciada por qualquer um dos milhares de especialistas em direito desportivo que tiveram tempo de antena na televisão esta semana, mas que não vi.

Como ninguém o fez, faço eu.

Para todos aqueles que não sabem, o que esteve em causa no processo do Boavista foi:

• Uma tentativa de coacção sobre equipas de arbitragem em três jogos.

O que aconteceu:

1. Não ficou provado que os ilícitos produziram resultados (o Boavista não teve uma única vitória nos jogos em questão);

2. O processo desportivo, que foi a reboque do processo judicial, invocou escutas, claramente ilegais em matéria de justiça desportiva;

3. O jogo Boavista-Belenenses foi arquivado pela, insuspeita, Maria José Morgado, que concluiu não ter havido qualquer crime, e o Boavista-Académica nem sequer chegou a produzir inquérito criminal;

4. Ilícitos disciplinares prescrevem três anos após os factos terem ocorrido, pelo que os processos disciplinares não podiam ter prosseguido;

Seja numa perspectiva de matéria facto ou numa perspectiva jurídica, não faltavam argumentos ao Boavista para desmontar completamente a tese da CD da Liga.

O que levou então à condenação do Boavista ?

Uma decisão tomada à força, numa reunião ilegal (uma evidência que o Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa ratificou) do CJ da FPF, que resolveu, na ausência do presidente do órgão, declarar improcedente o recurso interposto pelo Boavista.

Uma decisão tomada, sabe-se hoje, graças aos e-mails, pelo “assessor jurídico” de Paulo Gonçalves no Benfica, à data Presidente da Comissão Disciplinar da Liga.

Uma decisão reforçada por um parecer encomendado a Freitas do Amaral, que na altivez da sua abundante experiência, não identificou qualquer um dos problemas acima descritos.

O mesmo especialista Freitas do Amaral que estranhamente não se pronunciou uma única vez acerca do processo e-toupeira.

Uma decisão ilegal tomada de forma consciente, com o propósito de condenar um clube que ousou outrora afrontar o poder tricéfalo reinante.

Uma decisão que viria mais tarde a ser naturalmente anulada, apesar do mal já estar feito.

Em suma, as condenações desportivas em Portugal nunca dependeram ou dependerão de leis, mas sim da vontade de pessoas estrategicamente colocadas em determinadas posições.

É por isso que o Benfica não descerá de divisão, e é por isso que o Boavista desceu..

P.S.: alguém se lembrou do Moreirense?



Comentários (14)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
motivo:
Em conclusão, tudo boa gente. . .
2018-09-16 00h09m por carlos_batuta
. . . não vamos crer que Paulo Gonçalves tenha andado no Bessa nesses tempos de glória, apenas a espiar, para anos mais tarde poder levar o Boavista ao chão.

O drama dos CJ e CD é que são nomeados pelos clubes, logo aos olhos da clubite, há sempre motivos para criticar decisões num ou noutro sentido.
Depois, não há ninguém suficientemente grande, sério e isento, que tenha vontade de se meter no mundo da bola e sair emporcalhado.

Esta semana vi decl...ler comentário completo »
AL
Isentoqb
2018-09-15 18h08m por alexmoreira
o teu qb deixa muito a desejar
talvez por o qi tb. . .

és limitado e facilmente enganado porque ainda não entendeste um manancial de coisas que como não te agradam não fazem parte da tua visão da realidade:

-um cidadão na generalidade está habituado a que instituições como PJ ou MP sejam isentos e actuem com base em princípios altamente éticos.
Uma PJ com nomes de investigações como Malas Ciaos, sediada no Porto e com um tipo que gosta de aparecer e...ler comentário completo »
MA
carlos_batuta
2018-09-15 05h58m por Malainpn
Não é nada evidente que os dirigentes do Boavista à época tenham prevaricado. Tanto mais que foram ilibados em tribunal. Se estiver a falar do Major Loureiro, ele não era dirigente (nem sócio) do Boavista.

Também convém dizer que o presidente não abandonou a reunião. Ele saiu no fim da reunião, logo que discutidos os pontos da ordem de trabalhos. Os restante membros é que queriam debater decisões que tinham sido suspensas, porque existia um recurso do Boavista e outro do F...ler comentário completo »
IS
Acima da lei
2018-09-14 10h36m por Isentoqb
Os casos apontados ao SL Benfica são tantos e tão graves que num país civilizado onde já estariam os responsáveis por tais actos, bem como o clube (neste caso a SAD). A justiça começa a dar sinais de começar a funcionar em Portugal, mas por certo ainda irá demorar muitos anos a chegar a todos, porque infelizmente é mais fácil atacar os que não tem influências seja nos cargos desportivos, seja nos políticos, da justiça e comunicação social como é o caso do Benfica; daí se julgar e aparentemente estar acima da lei.
Sobre o Moreirense. . .
2018-09-12 19h28m por carlos_batuta
. . . parece que a condenação não aquece nem arrefece - o próprio advogado parecia indiferente à sentença, porque aparentemente a SAD está safa.
Não sei é o que acontece aos miúdos das camadas jovens que estão nas competições nacionais da FPF. . .
Sem prejuízo de haver 2 pesos/2 medidas
2018-09-12 19h24m por carlos_batuta
. . . porque é evidente que as houve e há, e o Boavista foi a maior vítima - também é evidente que os dirigentes do Boavista à época prevaricaram.

Também ficaria bem dizer que a célebre reunião ilegal do CJ da FPF foi ilegal, porque o seu presidente abandonou a mesma para a inviabilizar, quando percebeu que ia perder as votações. Os membros que ficaram continuaram "ilegalmente" a reunião e produziram as condenações.

Melhor ainda, já que a propósito de Ricard...ler comentário completo »
MA
Alexmoreira
2018-09-12 12h33m por Malainpn
Para ter um artigo de opinião sobre este caso, não é preciso ser do Boavista; é preciso ser isento.

Ele "falou" do "vizinho azul e branco". Ele falou que foi condenado por tentativa de corrupção e perdeu os pontos nos jogos em que foi condenado. Só não disse que depois foi ilibado porque, novamente, as escutas não podem constituir prova, na justiça desportiva (não podiam na altura, não podem agora, mesmo que as escutas sejam legais).

O teu comentário é já ...ler comentário completo »
AL
Além disso toma cuidado
2018-09-11 23h31m por alexmoreira
Porque isso de andares a consultar correspondência privada é capaz de ser crime!
AL
és tão do Boavista como eu do. . .
2018-09-11 21h31m por alexmoreira
. . . Belenenses!
Falas, falas mas do teu vizinho azul e branco nem uma palavra!
Quem tem [. . . ] tem medo não é meu filho?

P. S: já há n tempo que aqui não vinha fazer comentários. Desisti pq os moderadores desta coisa têm um lápis azul muito afiado. Ou isso ou são covardes. Veremos se têm coragem de colocar este post
FE
Não desce
2018-09-11 20h04m por fernandes1011
Se não houve coragem para descer o Porto e o Sporting quando havia oportunidade iam agora descer o Benfica? Alguma vez neste país se desce um grande mesmo que haja provas claras de corrupção? Curiosamente no caso do Gil Vicente e do Boavista, nem houve dúvidas e na hora de interditar estádios também não as há como fizeram ao Vitória e o ano passado queriam fazer ao Braga (sem que houvesse provas).

Em relação ao texto do José Pedro Pais, destaco esta frase "Uma decisão ilegal to...ler comentário completo »
MA
Curiosidades
2018-09-11 18h33m por Malainpn
Excelente artigo (alias, como é habito no José Pedro Pais). Os meus parabéns.
Há mais curiosidades no processo do Boavista, que o José Pedro Pais não referiu (acredito que tenha conhecimento delas).

#1- o Boavista não foi acusado de corrupção, mas sim de coação (ao contrário do que muitos acusam, por essas bancadas fora. Inclusive adeptos de clubes cujos presidentes foram condenados por corrupção).

#2- a coação terá alegadamente sido efectuada pelo M...ler comentário completo »
MO
Quando não interessa. . .
2018-09-11 16h44m por MonstroBolachas
Artigo interessante.
Pode concordar-se ou não com a opinião, mas põe o dedo na ferida que muita gente opta por fingir que não existe.

Curioso como existem tantas ligações de vários intervenientes no processo Apito Dourado com os processos que agora implicam o Benfica.
Só que agora esses intervenientes estão do lado dos acusados.
Será por isso que se ignora a realidade?
brilhante
2018-09-11 15h29m por paletafc
artigo, o Boavista foi o unico clube condenado por alegados crimes que nunca foram provados. num chamado País onde os arguidos escolhem, ou tentam, escolher quem os julgue, nada vai acontecer a toupeira vai parir um rato. . . afinal o que sao 70 acusações ?
Onde anda o juiz rangel? o caso freeport? e duarte lima ja foi preso? pode o presidente da cm de pedrogão ainda exercer cargos publicos? e Isaltino Morais delapidou e foi condenado por isso o patrimonio publico e pode voltar a ca...ler comentário completo »
Boavista
2018-09-11 14h31m por DragonKing
Excelente artigo!
Hoje, o caso E-TOUPEIRA vem por a nu o que já todos adivinhávamos, que o Benfica - tema assumido pelo seu presidente numa entrevista - possui gente nos mais variados orgãos de decisão do futebol.
O "obreiro" da descida do Boavista, entre outros atropelos à legislação, nunca apareceu para explicar as suas decisões e, de um momento para o outro, desapareceu do mediatismo do mundo do futebol. . . não correu como planeado a sua estratégia para afundar os clubes do NORTE.
OPINIÕES DO MESMO AUTOR
O paradigma comunicacional no futebol português tem-se vindo a alterar profundamente ao longo dos últimos anos. Portugal, um país fértil em talento ...
28-08-2018 14:15E6
Anteontem passei pelo Bessa. Bem sei que a equipa estava ausente - já em estágio na Madeira - mas esta visita inusitada (com a desculpa da apresentação do nosso ...
29-07-2018 11:07E1
O desporto é uma importante componente da cultura portuguesa, tem influência e responsabilidade no desenvolvimento social e civil da nossa população. É, por isso, ...
05-05-2018 15:52E2
Opinião
A preto e branco
Luís Cirilo Carvalho
O meu mundo aos quadrados
José Pedro Pais
Azul do céu como o futuro
Sebastião Barata
Azul do céu como o futuro
Sebastião Barata
Visão de jogo
Pedro Silva
O meu mundo aos quadrados
José Pedro Pais